Os Imortais
Okina conseguiu destruir Sunagakure, tornando o vilarejo um só com as suas origens, as areias profundas do deserto. O mesmo aconteceu em Kirigakure no Sato, onde a entidade afundou a vila no oceano que o cercava. Porém, ao tentar acabar com Konoha, a inimiga da humanidade falhou sendo impedida pelos novos salvadores do mundo. Abençoados por Hagoromo, os ninjas Mako e Mordred conseguiram selar a adversária criando uma segunda lua pairando sobre o planeta. Passadas algumas semanas, uma seita antiga se reuniu procurando o local onde poderiam ressuscitar Jashin, um deus antigo. Liderados por uma mulher capaz de ouvir a voz do deus, os seguidores subiram a Cordilheira dos Deuses e encontraram uma rocha cheia de selamentos frágeis e acabaram assim liberando um novo inimigo que se diz ter muitos nomes: Kami-sama, Jashin-sama e Shaka-sama. A nova divindade absorveu os poderes da lua onde Okina foi selada e transformou-se totalmente, porém, uma quantidade estranha de chakra vazou e espalhou-se no planeta inteiro.O novo inimigo da humanidade marcou três vilarejos: Konoha, Iwa e Kumo. Mas quais são seus verdadeiros planos? E quem é a pessoa que despertou depois de muitos anos?
.
.
.
.
.
Últimos assuntos
» 3) Solicitações de Avaliação
Hoje à(s) 03:31 por Nemesis

» [T] Throwing Master [投げ主君]
Hoje à(s) 03:30 por Nemesis

» [B] Enji
Hoje à(s) 03:05 por Nemesis

» Loja de Kumo
Hoje à(s) 03:04 por Nemesis

» [ST] Enji
Hoje à(s) 02:38 por Nemesis

» [Criações Jutsus] Yagura
Hoje à(s) 02:22 por Mordred

» [Ato] Reconhecimento Glorioso
Hoje à(s) 02:15 por GuillotineCrown

» [Criação de Químicos] Joe Sato
Hoje à(s) 01:51 por Mordred

» 1) Solicitações de Roleplay (Plotting)
Hoje à(s) 01:37 por Tekken

» [DESAFIO] Glitine shall not pass
Hoje à(s) 01:34 por Mordred

» [História] O Arqueiro Astuto
Hoje à(s) 01:20 por Urameshi

» [M.F] Joe Sato
Hoje à(s) 01:12 por Tenshin

» Lista & Organização de Habilidades Especiais
Hoje à(s) 01:09 por Summer

» [M.F] Naoki
Hoje à(s) 01:08 por Summer

» Epizo Evans
Hoje à(s) 01:05 por Li Xin

» [CENA] Amaldiçoados sejam - Summer
Hoje à(s) 01:04 por Hipátia

» [ Chegada - Aviso ] O Clamor de Konoha
Hoje à(s) 00:54 por [NPC] Servo de Jashin

» [M.F] Eijiro
Hoje à(s) 00:53 por DelRey

» [C.T] Gojou Hisaari
Hoje à(s) 00:50 por Panoramix

» [Ninjutsu Training] Eijiro.
Hoje à(s) 00:47 por DelRey


Convidado


22/7/2018, 04:00
Mensagens: 0
Geral
RPG
Ficha de personagem
Rank:
Perso:
HP:
CK:
ST:

Notificações
Não há notificações
Resetar as notificações

<

[T] SENJU, Kirishima Eijiro || Desenvolvendo Resistência

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo



 

 
Desta vez, Kirishima vinha com os pesos adequados para o seu corpo. Carregando dois em cada mão e mais um último por cima dos ombros, o garoto caminhava calmamente para o lugar de encontro. Já sabendo que Konjiro se atrasaria, como era habitual, ele decidiu ir bem mais cedo para otimizar seu treinamento. O caso do menino não era nada de realmente alarmante, ele sabia controlar seu tempo suficientemente bem, era apenas voluntarioso e tinha um certo sabor em ver pessoas aguardando-o.

Chegou ao local onde costumavam treinar juntos e começou a se preparar. Primeiro, em cada um dos tornozelos encaixou pesos de vinte quilos; em seguida, repetiu o processo nos pulsos, acrescentando mais vinte quilos em cada um. Já com a quantidade total de oitenta quilos distribuídos nas extremidades do seu corpo, pegou a faixa mais longa, de vinte quilos, depositada em cima do seu ombro, e a envolveu firmemente em sua cintura.

Inspirou profundamente, tentando integrar ao máximo aqueles oitenta quilos extras à própria constituição do seu corpo. Já havia treinado dessa forma outras vezes, mas fazia menos de um mês que decidira explorar de verdade sua própria força e velocidade com pesos extras. Era a primeira que colocava algo na cintura, o que parecia fazer uma enorme diferença no equilíbrio e no controle da agilidade dos seus movimentos. Sorrindo diante da perspectiva de ser surrado por Sasaki por não conseguir desviar dos seus ataques, testou forçar um pequeno pulo e sentiu a gravidade querendo jogá-lo contra o chão.

Começou por treinar as pernas. Delimitou visualmente uma dada área pela qual devia correr, contornando em zigue-zagues quaisquer menores obstáculos que vissem à sua frente, de modo que se tornasse habituado a movimentos repentinos. Faria isso até sentir equilíbrio com os movimentos das pernas. Num impulso ágil e forte, avançou uma distancia invejável, mas as passadas seguintes provaram ser desastrosas - o peso na cintura não oferecia o apoio às pernas ao qual ele estava acostumado, por isso o esforço para cada passada tinha de ser redobrado. Fez uma carranca e prosseguiu.

À sua frente, o tronco fino de uma pequena árvore obrigou-o a esquivar-se para o lado - mas o que ele pretendeu fosse apenas um leve deslizar à direita transformou-se num completo descontrole de seu equilíbrio. O peso extra fez seu corpo pender de forma progressiva, quase derrubando-o no chão. Antes que caísse, impôs força sobre sua perna esquerda, impulsionando-se num rápido giro que restabeleceu seus movimentos.

Sem hesitar, continuou a corrida no mesmo instante, agora com mais cuidado e mantendo em mente a noção das reações gravitacionais para com o aumento do seu peso. Sempre que se via diante da necessidade de fazer qualquer movimento brusco - seja um salto, seja um esquivar - empenhava sua atenção para, no mesmo instante, contrapor os pesos com uma quantidade de força suficiente para evitar perda de equilíbrio.

Circundou grande parte do terreno rochoso em torno do local repetindo a mesma estratégia, de forma a explorar regiões com pouca vegetação, o que exigia mais saltos, e regiões onde a quantidade de montes de pedra se agrupavam mais, o que exigia constante mudança de direção. Parou algumas horas depois. Uma ardência dolorosa preenchia toda a extensão dos músculos de suas pernas. Essa sensação também se espalhava em algumas partes do seu tronco, porém, mais localizadas principalmente na cintura e nas costas.

Para livrar-se da exaustão, se encolheu entre as enormes depressões de uma rocha cuja sombra se estendia longamente sobre o terreno. Esperando os músculos absorverem as leves dores causadas pelo esforço constante, Eijirou refletia de que forma continuar treinando enquanto seu Sensei não chegava. A cadeia de rochas ao seu entorno se constituía de forma bastante irregular, em algumas partes muitas pedras se aglomeravam, tão próximas umas das outras que as pontas se interpenetravam. Mas em certos lugares, rompendo repentinamente com o condensamento da terra, surgia outra clareira, límpida, interpondo vinte metros ou mais entre a formação rochosa e uma pedra qualquer.

Com a força restabelecida, levantou-se sorrindo. Iria aproveitar aquele cenário para potencializar o treino da sua força, velocidade, controle de chakra e o equilíbrio dessas coisas todas.

Voltou-se para a depressão robusta da própria rocha sob a qual descansara. Com aquele corpo descomunal, se impondo numa forma esquelética assombrosa, cheia de fissuras na sua parte densa, a rocha parecia desafiá-lo. O sorriso ainda impregnava sua expressão quando, depois de concentrar cuidadosamente uma camada de chakra sobre os pés, o garoto deu dois pequenos e rápidos passos para trás e então avançou com toda sua agilidade. Percorrera apenas sete ou oito passos verticais sobre a parte plana da pedra quando sentiu o novo peso do seu corpo impelindo-o à queda. Percebendo que já não conseguiria reequilibrar-se inclinando-se para a frente, ao invés de se deixar cair, se uniu à gravidade e distribuiu atabalhoadamente chakra nas mãos, girando num pequeno mortal para trás e prendendo-se a rocha com as mãos e os pés, como um quadrúpede.

Fungou para o lado, cuspindo a hesitação que um medo fugaz quis lhe impor. Com ferocidade, impulsionou-se para cima usando tanto as mãos quanto os pés. No embalo do movimento, preencheu o solado dos teus pés com uma concentração de chakra mais poderosa e tentou continuar sem as mãos. Primeiro, correu mais devagar, atento para a forma como devia lidar com o peso do seu corpo e o nível de chakra que devia usar para harmonizar a estabilidade dos seus movimentos.

Estava já vários metros acima, grudado na formação rochosa, quando, mais seguro de si, deu um novo arranque, correndo até o fim, principalmente com toda a agilidade que conseguia tirar de si. Chegando quase no topo, utilizou a inclinação para impulsionar-se num salto até outra rocha a cerca de oito metros de onde estava. Unida à sua velocidade, a força que usou na impulsão com o pé fê-lo pairar no ar por alguns instantes. Antes de perder sua estabilidade, realizou o mortal ainda no ar, estacionando com os pés no local almejado. Como já imaginava que seria, o pouso foi extremamente brusco pela quantidade de peso, e logo depois de encaixar os pés no topo da rocha, teve de fixar-se também com as mãos para manter-se controlado. Percebendo que Sasaki não apareceria, resolveu finalizar o treino e deixar o local.

HP: 800; CK: 750; SP: 26m/s; ST: 3T; SAMEHADA CK: 275


Itens:

Samehada:
Samehada
Rank: S
Descrição: Samehada (鮫 肌, literalmente significando: Shark Skin) é uma grande espada sensível, de tamanho comparável ao Kubikiribōchō. É descrito como o mais terrível de todas as lâminas dos Sete Espadachins e até ganhou o título de "grande palavra" (大刀, daitō), aumentando ainda mais a sua reputação temível.
Gunbai:
Gunbai
Rank: A
Descrição: Um gunbai (軍 配, Gunbai, literalmente significando: arranjo do exército), ou Gunbai Uchiwa (軍 配 団 扇, Gunbai Uchiwa, literalmente significando: fã do arranjo do exército), é um fã não dobrável, esculpido em uma árvore espiritual única, da qual apenas os instrumentos rituais são feitos. Este Gunbai foi transmitido entre os clãs de Uchiha por gerações. Este gunbai teve a capacidade de converter o chakra entrante em uma transformação da natureza do vento, refletindo o ataque de um oponente de volta para eles. Madara dominou tanto como um escudo como como uma maça em conjunto com seu kama, e também permitiu que ele executasse várias outras técnicas. Obito também empunhou o gunbai predominantemente como um flail usando a corrente anexada para guiar o ventilador que ele também pode usar como escudo por causa de sua durabilidade, pois foi capaz de bloquear o Super Mini-Tailed Beast Ball de Naruto sem receber nenhum dano notável.
Traje da Personificação do Elemento Raio - Cobertura Divina de Raiton:
Nome do Item: Traje da Personificação do Elemento Raio - Cobertura Divina de Raiton
Espécie: Rara
Rank: S
Descrição: Traje de material sintético, flexível e que adequa-se ao corpo. Facilmente confundido com um macacão de natação convencional, e o que os difere são as propriedades únicas do Traje Divino. A matéria prima do item é um tecido sintético que é capaz de estimular eletricamente o sistema muscular do usuário aumentando a capacidade de absorção e dissipação de energia motora, tornando-o capaz de ultrapassar os limites humanos convencionais, consequentemente, tornando os golpes muito mais potentes e permitindo obter uma força bruta tremenda.

Habilidades/Mecanismos: 



  1. Mecanismo: Por conta do material ser um excelente condutor de Chakra Elemental - Raiton, os golpes físicos do Usuário liberam uma descarga elétrica que paralisa o local afetado dos alvos por um turno, sendo necessário um turno para reativar o efeito no mesmo local. É necessária gastar 60 CH uma única vez para ativar o elemento no traje e 20 Chakra por post, para manter ativo; Obs: Condutores aplicam efeitos de contato, exemplo: Armas, Ferramentas Ninjas e Etc.

  2. Mecanismo²: Devido as propriedades elementais atribuídas ao traje em sua criação, ele é capaz de dobrar o dano causado por golpes físicos, sendo necessário gastar 60CK para a ativação desse efeito. O efeito perdura de acordo com a stamina do usuário, sendo necessário um turno após o término para reativá-lo.

Bolsa de Armas(20):


  •  5 Kunais [5]
  •  5 Shurikens [5]
  •  10 Metros de Fios [2]
  •  1 Fuma Shuriken [4]
  •  2 Ampolas [2]
  •  8 Papeis Explosivos [2]

Estilos de Luta:
Muon no Ken
Requerimentos: 5 Taijutsu, & Bom Controle de Chakra.
Descrição: O Punho Silencioso (無音の拳, Muon no Ken) é capaz de tornar seus movimentos completamente silenciosos envolvendo-se com chakra. Neji Hyūga compara seu uso com as penas de uma coruja, como o manto de chakra faz com que os movimentos sejam praticamente imprevisíveis.

Regras:Necessário um ponto acima da velocidade do usuário para esquivar de qualquer golpe com esse estilo.
Considerações:
 

  • Vestimentas descritas na ficha, usando o Traje Divino por baixo das vestimentas usuais.
  • Samehada empunhada com a mão direita.
  • Gunbai posicionada transversalmente nas costas.
  • 1048 palavras
  • Treino referente a aquisição de 2 pontos em Stamina.



avatar
Jōnin
Jōnin

K

_______________________



"忍者になることは憎しみに立ち向かうことを意味し、それぞれと誰もが憎しみと戦う"
To be a ninja means to confront hatred, each and everyone has his battle with hatred
avatar
Jōnin
Jōnin

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

resposta rápida

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum