Naruto RPG Akatsuki
Olá visitante, registre-se em nosso fórum e venha fazer parte desde mundo mágico de Naruto, sim, seja um Ninja! Veja no vídeo abaixo os primeiros passos para fazer parte deste mundo após o seu cadastro!


Convidado


23/11/2017, 00:00
Mensagens: 0
Geral
RPG
Ficha de personagem
Rank:
Perso:
HP:
CK:
ST:

Notificações
Não há notificações
Resetar as notificações
UM TEXTO AQUI LOGO LOGO
Meta: 00,00 R$ Recebido: 00,00 R$
00%
compre Seus AGs Pelo Pag Seguro e Paypal
UPDATES!
09.09.2017 — Exatamente um mês desde o último update, estou aqui hoje para avisar que o arco RUPTURAS está oficialmente encerrado. Ao longo dos próximos dias o tópico referente a ele será devidamente atualizado. Como prometido, novos sistemas virão (já estão disponíveis para o público ver e sugerir coisas) e novos Clãs/Kekkei Genkais também, além disto, muito em breve teremos o inicio de um novo arco.
ESTAÇÕES & EVENTOS
Ano: 08
Primavera:
14/11 - 07/12
Verão: 08/12 - 30/12
Outono: 31/12 - 22/01
Inverno: 23/01 - 13/02





Últimos assuntos

» [RP] Os olhos cobiçados.
por Zekken Ontem à(s) 23:59

» Lista & Organização de Contas Duplas
por Sephiroth' Ontem à(s) 23:55

» Lista & Organização de Vilarejos
por Sephiroth' Ontem à(s) 23:54

» [RP EP] - O fracasso
por Sarutobi Kygo Ontem à(s) 23:53

» Dá n muita panela dropei flw
por Retz Ontem à(s) 23:30

» [Missão Rank C - Urameshi] Preço da Fama
por Sephiroth' Ontem à(s) 23:27

» Treinos de Yuki Riki
por Sephiroth' Ontem à(s) 23:18

» [Quest - Fios Negros] Asakura
por Sephiroth' Ontem à(s) 23:02

» [F.P] Dante
por Mukuzii Ontem à(s) 22:47

» Evento Especial: Cenários
por Dumas Ontem à(s) 22:44

Procurados
Procurados RPG Akat


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

[Missão B] Resgate III: Mjölnir

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Zoe

avatar
Kryptoniana
Kryptoniana
Levemente atordoada pela bomba luminosa, a jovem Uchiha tinha agora questões muito mais importantes para tratar. Em primeira mão, havia o terremoto em curso, que lhe tirava o equilíbrio e ameaçava a qualquer instante por abaixo toda aquela estrutura subterrânea. Em segundo, o desaparecimento de Inori e o estranho fluxo de chakra que seguia para a direção dos cristais, quase como um convite macabro para uma reunião. Akemi não era tola, sabia exatamente o que tinha de fazer e porque deveria fazer. Inori Yuzuriha era a sua maior chance de finalmente encaixar-se no mundo que por muito tempo odiou.

Consideração inicial: Começaremos a partir do ponto em que a ultima missão terminou. Seu objetivo agora não é coletar informação alguma, mas salvar a sua companheira e dar fim a loucura.
Jogador envolvido: Akemi Yuki



Ver perfil do usuário

Akemi Yuki

avatar
Chūnin
Chūnin


❝ This is for long-forgotten
Light at the end of the world
Horizon crying
The tears he left behind long ago ❞
CH: 1150/1150 HP: 800/800 ST: 00/05

Lentamente a confusão mental pela exposição a luz forte agora deixava de existir em sua mente, sua capacidade de pensar um pouco mais rápido também melhorava, graças a ausência da dor de cabeça que sumia aos poucos. Não demorou muito para estar sobre o exato ponto onde Yuzuriha estava, agachando-se no mesmo e pegando em mãos um pequeno cristal. "Ela estava aqui." Seus olhos eram ferozes e traziam a ira de uma menina que não estava cega pelo ódio, mas a raiva de perder alguém precioso era sim, algo que poderia talvez, influenciar na sua tomada de decisões futuras. Sua primeira atitude foi pegar o rumo do fluxo de Chakra, enquanto desviava de um pedregulho e outro que caia do teto da caverna e eventualmente a acertaria se não fosse sua capacidade amplificada em ver o mundo de maneira única, graças ao Sharingan nível três. Seus passos eram rápidos e carregados com uma pequena camada de Chakra na planta dos pés, que seriam perceptíveis casos olhassem na sola de sua bota que estava levemente brilhando em azul, era um Shunshin no Jutsu, deslocava-se com sua capacidade máxima e a todo momento fitando ao redor em busca de alguma informação não revelada ainda. Não tardou ao chegar na sua meta, ficando frente a frente a uma entrada maior, como uma fenda. Ainda envolvida pelo sentimento de perda, seus lábios se abriram em um grito buscando alguém.

Inori! — Bradou esperando que a amiga lhe pudesse ouvir e responder.


Considerações:
Roupas: Aqui
Bolsa de Equipamentos presos à cintura, atrás e do lado direito.

Nota: Shunshin eu não descontei pq não foi especificado metros, se quiser, depois me da uma distância pra eu descontar CH certinho. Sharingan 3 ativo.
Equipamentos:
Kunai: 3 - três unidades
Shuriken: 10 - dez unidades
Kemuridama: 1 - uma unidade
Hikaridama:  1 - uma unidade
Kibaku Fuuda: 2 - seis unidades
Ampola: 1 - uma unidade

Ver perfil do usuário

Zoe

avatar
Kryptoniana
Kryptoniana
Um primeiro vislumbre e tudo o que a jovem Uchiha veria eram pedras feridas pelo tempo. Pequenas lascas de um misterioso cristal haviam-na levado a um grande salão oval, quase tão extenso quanto o quarteirão de uma cidade. O topo daquele lugar era um breu negruro e misterioso a centenas de metros do chão, envolto em uma névoa sombria que tornava fútil quaisquer tentativas de vislumbrar o que ali havia. Os símbolos estranhos que outrora a Uchiha havia visto enfeitavam as rochas em limo, recitando um antigo poema de horror. Contava a lenda sobre uma antiga princesa de um reino em decadência. A jovem Himiko nasceu nos seis últimos anos de seu reino. Desde pequena, havia demonstrado um talento excepcional nas artes místicas, que segundo as escrituras, tratava-se de uma forma única de utilizar o chakra, ligando este a espíritos — que careciam de definição nos textos — e manipulando a vida, a morte e a própria realidade. No entanto, mesmo que dispusesse de um talento excepcional, a jovem mostrou-se uma falha quando seu reino mais precisou. Graças as ambições de seus pais, o Rei e a Rainha, tudo o que ela mais amava caiu em desgraçada. Assassinatos em massa, rebeliões, sacrilégios e outras abominações maculavam o que deveria ser um reino próspero de um vermelho sangue intenso. Aflita e decidida a mudar de vez a história de seu povo, Himiko recorreu as artes místicas para salvar o seu povo, desligando-se de sua própria existência ao eliminar seus pais antes que esses tomassem o trono. Segundo a história, entretanto, antes de morrer, Himiko fundiu-se com os próprios espíritos, tornando-se assim uma entidade não humana. Todavia, estava agora ausente de emoções humanas, as quais considerava um atraso. Com o tempo, a dita Deusa salvadora tornara-se um mal a ser temido e odiado, causando a criação de um seleto grupo de magos shinobi que, em uma tentativa de dar fim ao mal crescente de Himiko, decidiram a selar na mesma tumba em que havia dado a luz. Himiko, em um ultimo alento, deu vida a uma chave, que imediatamente tomou forma humana. A chave viveria uma vida comum, mas quando tivesse o seu primogênito, este tornaria-se a nova chave e a anterior morreria; um dia, a chave retornaria a tumba e Himiko seria uma vez mais liberada.

Mesmo que não desse atenção a história, a jovem certamente veria, além das enormes pilastras sob a forma de corpos mixados que se conectavam o teto obscuro, um estranho sítio semelhante ao palco de uma cerimônia de sacrifício. Deitada sobre uma estranha cama de pedra, encontrava-se a pequena Inori, de olhos cerrados e com os pulsos e calcanhares presos por correntes de ferro. Prostrado diante dela, uma entidade de manto negro que cobria todo o seu corpo, mas que exalava uma familiar áurea. Percebeu a chegada da Uchiha, o que de certo não lhe agradava muito. — Bem, minha jovem, você não é mais necessária para mim, sabe? Vaguei por essas ruínas a anos, mas os antigos não me deixavam chegar a este ponto da tumba. Sempre que me aproximava, minha existência era arremessada a outro canto qualquer. Sabe o quão frustrante isso pode ser quando você passa 30 anos em um mesmo lugar? SABE? — A voz maleficamente familiar rugiu ao fim, mas sem colocar-se diante de Akemi Uchiha. Em vez disso, apontou para o céu, de onde sete soldados, semelhantes aos que outrora enfrentaram, surgiram. Possuíam facas, machados e arcos em suas mãos, mas não necessariamente seguiam as ordens do homem. — Você está invadindo a tumba, meu amor. É isso o que acontece com invasores. — Riu em escárnio. — Eu, entretanto, a apresentei como a chave. É curioso como a própria presença da garota preveniu a maioria deles de se erguer. — Confessou com satisfação.

Consideração: Pode narrar ataques contra eles e tal. Você já deve saber como vence-los e a resistência deles para serem finalizados. Só vai.



Ver perfil do usuário

Akemi Yuki

avatar
Chūnin
Chūnin


❝ This is for long-forgotten
Light at the end of the world
Horizon crying
The tears he left behind long ago ❞
CH: 1150/1150 HP: 800/800 ST: 00/05

Os olhos carmesim finalmente fizeram seu trabalho ao chegar na estranha área que abraçava um enorme lugar em formato oval, no alto apenas a escuridão poderia ser visto, sendo esta um breu infindável que nem mesmo o Doujutsu foi capaz de achar qualquer coisa que o justificasse, talvez fosse apenas o vazio do esquecimento de uma ruína há muito perdida. Uma estranha linguagem talhada nas pedras pudera ser lida por Akemi, que estranhamente entendia os símbolos perdidos, a energia emanada através das escritas saltavam e se destacavam como magia ao dançar uma seguinte da outra em um amontoado de palavras, uma longa e misteriosa história poderiam ser devidamente lidas, graças a velocidade de seus olhos hábeis em captar pequenos detalhes. No entanto, pouco lhe fazia sentido, a não ser é claro que toda aquele conto parecia não ser algo apenas inventado. Havia poder naquele lugar e ela não entendia como aquilo poderia ter ligações com o motivo da missão.

Segundos após a leitura, a figura de pilares de pedra em formatos de pessoas foram o alvo dos olhos da menina, com seu Sharingan evoluído, novamente foi capaz de encontrar uma série de pequenas áreas ao longo destes que eram mais fracas, devido ao tempo. Deitada sobre uma mesa de pedra, numa área um pouco mais reservada a uma espécie de ritual sinistro, Inori aparecia deitada sobre esta, amarrada e aparentemente desacordada. Uma voz ecoou o lugar, tagarelando sua loucura, como um lunático possesso deleitando-se de sofrimento alheio. Era uma pessoa encapuzada, irreconhecível a menina. Ao vê-lo terminar suas palavras, o movimento apontando para o céu foi o que despertou a reação natural da Uchiha a seguir a direção do dedo indicador do homem.

Quase que em velocidade reduzida, os movimentos de queda de sete soldados vindos do breu absoluto do teto negro, caíam em câmera lenta. Quase instantaneamente ao ato, o pequeno raio de talento Uchiha calculou em frações de segundos onde cairiam, pegando em mãos novamente duas Kunais com papeis bomba em seus cabos, ela os lançou enquanto eles ainda caíam. Uma Kunai iria de encontro direto e com velocidade total ao grupo em queda livre, enquanto a outra iria para a coluna de pedra mais próxima a eles, explodindo a primeira tarja - a que foi em direção a eles - em primeiro momento. Com a primeira explosão, Akemi visava destruir seus corpos, tornando-os um amontoados de carne, quanto a explosão seguinte, na direção da coluna, seria a tampa do caixão dos malfeitores, pedras deveriam cair sobre seus corpos, terminando de ceifar suas vidas inúteis.


Considerações:
Roupas: Aqui
Bolsa de Equipamentos presos à cintura, atrás e do lado direito.

Nota:
Equipamentos:
Kunai: 3 - três unidades
Shuriken: 10 - dez unidades
Kemuridama: 1 - uma unidade
Hikaridama:  1 - uma unidade
Kibaku Fuuda: 2 - seis unidades
Ampola: 1 - uma unidade

Ver perfil do usuário

Zoe

avatar
Kryptoniana
Kryptoniana
Me solta! — A pequena Uzumaki despertou de súbito, colocando a sua força a prova contra as resistentes correntes de ferro. O medo estava desenhado em seu rosto, onde gotículas de suor aglomeravam-se e escorriam até a ponta do queixo. Preocupada, a jovem avaliou o seu algoz, que se prostrava diante dela como uma presa se prostra para uma caça. A força que colocava nas pernas e nos braços cessou. Ali, diante daquele sorriso amedrontador e psicótico, percebeu com quem realmente lidava. — Pai? — Questionou, incrédula. A pele do que deveria ser Hirako derreteu-se e escorregou do corpo como a pele de uma cobra, revelando um homem ao menos dez anos mais velho, de barba extensa e grisalha e olhos avermelhados, assim como os da jovem. Era, embora Akemi desconhecesse, um foragido, procurado na rocha e na folha como um assassino religioso em massa. Embora a relação entre eles fosse clara, a pequena demorou um pouco para compreender o que se passava.

Eu não deixarei você revive-la!

Você não tem escolha! — Bradou, com gotículas de cuspe saíndo de sua boca. A chave, furiosa, tocou com a ponta dos dedos as correntes, sendo este gesto o suficiente para torna-las cristalizadas e frágeis o suficiente para se partirem com o menor dos movimentos. Liberta, ela saltou para trás, mas o algoz já esperava por isso. Tomou o seu pulso ainda no ar, trazendo-a de volta ao altar e cortando uma veia. Sangue jorrou da ferida, escorrendo através do chão, que reagiu em uma estranha reação em cadeia. Chakra surgiu através das paredes, do solo e do próprio ar, concentrando-se em um único ponto: o altar. A energia era tamanha que aumentou o calor ambiente em uma dezena de graus, suficiente para ser facilmente perceptível. Com o tempo, mais e mais chakra se reunia, com a jovem Inori atônita demais para reagir. — Akemi, por favor, me ajude! — Bradou.


Consideração: Mortos-vivos foram destruídos pelos seus ataques ou foram simplesmente desfeitos pelo poder da Chave de Inori. Ajude-a.



Ver perfil do usuário

Akemi Yuki

avatar
Chūnin
Chūnin


❝ This is for long-forgotten
Light at the end of the world
Horizon crying
The tears he left behind long ago ❞
CH: 1150/1150 HP: 800/800 ST: 01/05

Com seu ataque realizado pode contemplar e figura de membros apodrecidos caindo em milhares de pedaços, uma parte das tripas voou, tornando o solo daquela área um pouco distante da Uchiha completamente em uma chuva de cadáveres que não durou muito, pois em seguida foram soterrados pelo pedaço de coluna destruído por Akemi, findando-os em um amontoado de carne podre abaixo de toneladas de pedras milenares. A poeira subiu e pouco a pouco começou a dispersar, mas graças ao estrondoso som dentro da acústica daquela caverna envelhecida, algo parecia capaz de despertar a consciência de Inori, que acordou pedindo por sua liberdade. A atenção da ex Yuki voltou-se aos berros de sua amiga, que suplicava liberdade, mas que não teve seu pedido atendido pelo encapuzado.

No coração de Akemi, amor e ódio se confundiam, dando a ela movimentos reativos suficientes para agir com desespero assim que testemunhou a primeira gotícula de sangue sair do pulso de sua querida amiga. A verdade é que nunca em tanto tempo de vida, tivera alguém além de Mordred a quem podia confiar seus segredos e desenvolver laços, sua maldição fora até mesmo aceita por Yuzuriha que não a hostilizou como uma encrenca, mas a aceitava como ela havia de ser, uma atitude realmente digna de amizade e companheirismo.

No momento em que saltou na direção da companheira, sua velocidade atingia o máximo, num movimento tão desesperado que se alguém pudesse vislumbrar da cena, poderia ver o desespero mixado ao ódio no olhar da Uchiha. O templo pareceu se super aquecer assim que o estranho altar começou a brilhar com um tom enérgico que contagiava tudo ao redor, mesmo em meio ao caos e as loucuras daquele homem misterioso, a Iryonin só possuía uma missão, resgatar a amiga a qualquer preço. Com um soco aparentemente simples, a moça tentava atingir o queixo do homem, fazê-lo cair ou simplesmente fazer com que soltasse o braço da mesma. Caso obtivesse êxito, tomaria Inori nos braços e carregaria para longe do centro do altar afim de protegê-la do que quer fosse o que aconteceria a seguir.


Considerações:
Roupas: Aqui
Bolsa de Equipamentos presos à cintura, atrás e do lado direito.

Nota: Sharingan 3, TUDO no máximo.
Descontei as Kunais e Kibaku Fuudas.
Equipamentos:
Kunai: 1 - uma unidade
Shuriken: 10 - dez unidades
Kemuridama: 1 - uma unidade
Hikaridama:  1 - uma unidade
Kibaku Fuuda: 2 - quatro unidades
Ampola: 1 - uma unidade

Ver perfil do usuário

Zoe

avatar
Kryptoniana
Kryptoniana
A pressão do punho contra o rosto, somada com a velocidade imposta sobre suas pernas foram suficientes para a aplicação de um potente golpe contra o homem encapuzado, efetivamente desabilitando-o de um combate e encerrando de vez uma parte do perigo. Todavia, a concentração de chakra expandia-se mais e mais, tornando mais dificultoso se respirar ali dentro e mesmo manter-se sobre as duas pernas. Diante disso, ambas as jovens desabaram no chão, exaustas, incapazes de fazer qualquer coisa. Mesmo que não fossem experts na arte do ninjutsu, era previsível que aquela energia aumentaria e aumentaria até tomar toda a caverna, todo o país do fogo e então, todo o mundo. Naquele momento, Inori ergueu-se. — Você foi a única que não me julgou por essa condição de nascença. — Lembrou-se, embora a frase fosse audível para a Uchiha. — Você me salvou, disse que seríamos amigas. Era verdade, né? Eu sinto que era. — Admitiu. Embora Akemi não soubesse, a jovem Inori só tinha a ela como companheira íntima. Somente desabafava com ela, somente saía para lanchar as tardes com ela, somente chorava quando próxima a ela. Era difícil para a Uzumaki conceber um mundo sem a Uchiha. Ela era o seu sol e estrelas.

Você pode me dar um abraço? — Pediu. Um ruído de explosivo aos poucos tomava conta do ambiente. O chakra surgia com maior velocidade e violência, causando fissuras na rocha e em tudo o que havia próximo. Era chegada a hora de despedirem-se do mundo.

Consideração: Você salvou Inori, agora resta a parte final da missão.



Ver perfil do usuário

Akemi Yuki

avatar
Chūnin
Chūnin


❝ This is for long-forgotten
Light at the end of the world
Horizon crying
The tears he left behind long ago ❞
CH: 1050/1150 HP: 800/800 ST: 02/05

Seu golpe fora enfim desferido, uma mistura de satisfação ao saciar a ira encrustada no peito e dor em seu próprio punho mesclou-se no exato momento da pancada. O som audível do baque do choque foi algo suficiente para justificar a pancada, era forte o suficiente, para desmantelar a postura ereta daquele inimigo misterioso, entretanto, antes que desabasse, a menina Uchiha inclinou seu corpo numa velocidade incrível aparando a queda de Inori no chão, graças aos ferimentos. Com a Uzumaki nos braços, seu laço a apertou contra o seio saltando para um pouco mais longe do núcleo do altar. O sangue ainda jorrava de seu braço e a Uchiha estava muito cansada, mas relutante em deixar que sua amiga continuasse sofrendo de dor ela tomou selos manuais e respirou fundo, se concentrando uma vez mais em sua habilidade de cura. A destra brilhou em intensidade verde, recobrindo a mão como uma luva de esperança, agindo como cicatrizante as feridas de Yuzuriha, mas aparentemente a perca de sangue e o que quer que estivesse acontecendo naquela caverna já não poderia ser impedida, o fim viria, aparentemente. Os olhos das duas se encontraram, deixando a menina Uchiha sem entender mais nada, o fim do mundo se aproximava e novamente ela perderia tudo. A ira parecia desencadear novamente mais uma crise existencial que a consumia de dentro para fora, fazendo aflorar em seus olhos carmesim, lágrimas que escorriam dos olhos. "Mordred, minha amada eu falhei com você e não terei nem ao menos tempo de te pedir perdão como você merece. Inori eu também falhei com você em te proteger, tudo que eu queria que você soubesse é que eu tenho orgulho de ser sua amiga." Mentalizou, mas as falas não saiam. No instante seguinte, a Uzumaki pronunciava-se em tom de despedida, Akemi a trouxe novamente junto ao seio, colocando o rosto da mesma em seu ombro esquerdo, enquanto colaram os rostos lado a lado, como verdadeiras amigas. Por um pequeno instante, as lágrimas salgadas das duas se uniram, selando uma amizade eterna.

Eu prometi te fazer minha amiga? Eu queria que soubesse que você é mais do que isso, você é uma irmã pra mim. — Suas palavras eram sinceras. Desde o início de toda a amizade, Akemi via na amiga uma pequena Akemi, frágil e que queria fazer florescer em sucessos na vida. De qualquer forma, partiria juntamente a menina, o mundo não saberia o que aconteceu, mas naquele instante a Uchiha entendia que perderia mais uma vez as pessoas que tanto amava.


Considerações:
Roupas: Aqui
Bolsa de Equipamentos presos à cintura, atrás e do lado direito.

Nota: Tentou curar, só pra ela não sentir mais dor e pá, já que vão morrer, ela pelo menos quer que a amiga não sofra mais.


Nome: Shōsen Jutsu
Rank: A
Descrição: Este ninjutsu médico permite que o usuário acelere o processo de cura do corpo natural, enviando chakra de suas mãos em uma ferida ou parte do corpo afetada. Isto permite que o usuário possa curar um paciente sem a necessidade de equipamento médico ou cirúrgico, o que torna muito útil no campo de batalha. Ele pode ser usado para o tratamento de ambas as lesões externas e internas. É vital para coincidir com a quantidade de chakra usada para a gravidade da doença ou lesão. Isso requer uma grande quantidade de controle de chakra. Devido a isso, apenas alguns altamente qualificados ninjas médicos são capazes de usar esta técnica. Kabuto demonstrou a capacidade de usá-lo a uma curta distância do alvo, em vez de através do contato direto.
Equipamentos:
Kunai: 1 - uma unidade
Shuriken: 10 - dez unidades
Kemuridama: 1 - uma unidade
Hikaridama:  1 - uma unidade
Kibaku Fuuda: 2 - quatro unidades
Ampola: 1 - uma unidade

Ver perfil do usuário

Zoe

avatar
Kryptoniana
Kryptoniana
Então... por mim, irmã, seja a luz pro mundo que eu nunca pude ser. — A Uzumaki colou em suas palavras um desejo egoísta e insensato, mas que tinha certeza de que Akemi seria capaz de cumprir. Com a troca de lágrimas, a jovem orquestrou um selo de maneira oculta, formando uma grande parede semelhante a vidro entre ela e Akemi. — Eu receio que tenha que fazer isso sozinha. Por favor, dê esperança e carinho as pessoas; esse sempre foi o meu sonho. — A jovem colocou-se prostrada para a direção da grande concentração de energia, de costas para a Uchiha. Em silêncio, caminhou contra o altar, distanciando-se da melhor amiga e cercando o chakra que gradativamente tomava uma forma avermelhada que pendia para o carmesim. Os dedos nus tocaram a esfera, fazendo percorrer uma infindável dor entre seus músculos e ossos, suficientes para desmaiar qualquer ser humano. Ela cerrou os olhos em resposta, dando tudo o que possuía para iniciar o processo de selamento. Gradativamente uma parte de seu corpo tornava-se em um cristal ao passo em que uma faixa de energia simplesmente desaparecia. O tremor na caverna cessou, com as paredes deixando de emitir todo aquele chakra. — Você não será liberta, Himiko! — A jovem bradou, seguindo de um grito intenso e de afronta que deu-lhe forças para continuar o que deveria ser feito. Não ousaria jamais olhar para trás após despedir-se da única pessoa que se importava com ela. Lágrimas escorriam através das bochechas, mas a verdade era que em poucos momentos tudo aquilo tornaria-se nada. Por fim, a energia dissipou-se, mas o que havia ali era apenas um grande cristal rosado e disforme, que pouco a pouco se desfez até tornar-se lascas dispersas no ambiente. Mesmo a grande parede que separavam-nas agora tornara-se pó. O resgate fora uma falha, embora o mundo tivesse sido salvo. Inori Yuzuriha era apenas uma memória. O alento final trará o caminhar da morte, dissera as escrituras. No entanto, o alento final da pequena Uzumaki traria a vida as pessoas, não a morte.

Consideração: Recompensa máxima adquirida. Esse é o post em que poderá narrar o MS e também perder a maldição do ódio em seguida.



Ver perfil do usuário

Akemi Yuki

avatar
Chūnin
Chūnin


❝ This is for long-forgotten
Light at the end of the world
Horizon crying
The tears he left behind long ago ❞
CH: 1010/1150 HP: 790/800 ST: 03/05

A união das duas parecia ser o último quadro de uma cena de um filme em tom de despedida, mas o que não seria esperado era que o fim, na realidade, seria o início de algo. O corpo de Akemi pouco a pouco tomou distância da Uzumaki, sendo impedida de se reaproximar quando inevitavelmente sua amiga se erguia do chão e então caminhava diretamente a massa de energia. Dos olhos da Uchiha as lágrimas brotavam, tão cega pela raiva de sentir-se impotente mais uma vez, porém algo lhe atingiu o peito, como uma seta de palavras que lhe fez estremecer e cair de joelhos ao chão. Aquele pedido de Inori parecia selar seus sentimentos mesquinhos, o egoísmo de perder o que na realidade era a esperança do mundo finalmente parecia desprender-se da menor, que soluçou algumas vezes antes de movimentar os lábios para expressar suas palavras, entretanto nenhum som saiu, "eu te amo, minha irmã" foi o que quis dizer no fundo, mas ao notar que não tinha mais forças, apenas assistiu a cena desta se transformando em um cristal rosado aos poucos. Enquanto a jovem dava a vida para proteger o mundo, Akemi mal podia notar, mas nos olhos a transmutação parecia tomar forma mais uma vez, porém ao invés de mais uma tomoe, os orbes oculares adicionaram anéis em uma forma oval que em seu centro e sobrepondo-se, formando uma espécie de estrela com seis pontas, o tom vermelho de fundo mudou para escuro, invertendo completamente os tons da forma anterior. O amaldiçoado Doujutsu tomava a sua quarta evolução, o Mangekyou Sharingan havia sido desperto. Ao fim de todas as luzes e da destruição dos cristais rosados, que antes era sua amada amiga, apenas pode ficar ali jogada ao chão, sobre os joelhos, as mãos foram de encontro aos olhos os fechando lentamente, secando as lágrimas e desativando o novo poder. A missão havia sido terminada, mas o sacrifício de Inori foi o que salvou o mundo, não Akemi, mas em seu coração ela carregava o último pedido de uma irmã e não o esqueceria. Tomou posse de um fragmento do cristal rosado, levando-o consigo, seria uma lembrança física que carregaria a partir dali para todo o sempre.


Considerações:
Roupas: Aqui
Bolsa de Equipamentos presos à cintura, atrás e do lado direito.

Nota: MS ativo, primeira vez. Mundo Físico
Equipamentos:
Kunai: 1 - uma unidade
Shuriken: 10 - dez unidades
Kemuridama: 1 - uma unidade
Hikaridama:  1 - uma unidade
Kibaku Fuuda: 2 - quatro unidades
Ampola: 1 - uma unidade

Ver perfil do usuário

Zoe

avatar
Kryptoniana
Kryptoniana
@ MS ok e Maldição do ódio ok.



Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum