Naruto RPG Akatsuki
Olá visitante, registre-se em nosso fórum e venha fazer parte desde mundo mágico de Naruto, sim, seja um Ninja! Veja no vídeo abaixo os primeiros passos para fazer parte deste mundo após o seu cadastro!


Convidado


26/7/2017, 13:35
Mensagens: 0
Geral
RPG
Ficha de personagem
Rank:
Perso:
HP:
CK:
ST:

Notificações
Não há notificações
Resetar as notificações
Tema novo!
Meta: 400,00 R$ Recebido: 70,00 R$
00%
compre Seus AGs Pelo Pag Seguro e Paypal
UPDATES!
18.07.2017 — Karma aqui passando para avisar que a área de Regras & Tutoriais sofrerá uma reorganização onde alguns tópicos serão fundidos e outros mudados de posição, melhorando também os textos das regras procurando remover furos e melhorando o entendimento dos usuários.
ESTAÇÕES & EVENTOS
Ano: 07
Primavera:
12/07 -- 03/08
Verão: 04/08 -- 26/08
Outono: 27/08 -- 19/10
Inverno: 20/10 -- 13/11






Últimos assuntos

» Banco - Douglas
por DouglasCapiotti Hoje à(s) 13:33

» [A] - Katia Mello
por Zephyros Hoje à(s) 13:32

» [E] Ligado a natureza, Yomo
por Katia Mello Hoje à(s) 13:31

» [LISTA] Membros de Kumogakure.
por DouglasCapiotti Hoje à(s) 13:30

» [COMPRA DE JUTSUS - DOUGLAS]
por shirotsuki Hoje à(s) 13:29

» to fortao
por shirotsuki Hoje à(s) 13:25

» 04. Solicitação de Especialidade
por Katia Mello Hoje à(s) 13:25

» 01. Solicitações de Missões
por DouglasCapiotti Hoje à(s) 13:16

» [Q] Missão Especial
por Katia Mello Hoje à(s) 12:49

» [Q]Yomo- Teletransporte
por Yomo Hoje à(s) 12:47

Procurados
Procurados RPG Akat


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Toreining [A]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Toreining [A] em 3/12/2016, 16:59

Ayura

avatar
Jounnin
Jounnin
Irrequieto como sempre, rodava um lápis em meus dedos e fitava o teto naquela manhã enevoada e fria. Não havia o que fazer, mas mesmo assim eu desejava aprimorar coisas que eu sentia que seriam essenciais em minha vida como uma arma, ou melhor, como shinobi. Ainda mantinha minha capacidade de decidir sobre minha vida, principalmente agora como jounin. Ou seria precisamente o contrário. No entanto, desejava aumentar meu vigor físico a todo custo, e para isso já possuía uma ideia bastante aplicável: aumentar o tempo em que eu suportava utilizar o meu jutsu Full Throttle. Trata-se exatamente de continuar gastando e mantendo a precisão no chakra, notoriamente me cansando após algum tempo. Se eu pudesse, além de lutar, usar meu chakra continuamente por mais tempo, certamente teria mais êxito em batalha.

E assim iniciou-se os dias que pareciam incontáveis. Cansativos, chatos e cheios de açúcar nos pesados intervalos. Acordava cedo da manhã, comia algo leve e corria à toda velocidade, com pesos pelo meu corpo, ao passo que não me preocupava em manter a capacidade pulmonar intacta. Ao redor do meu corpo via-se uma aura branca e enérgica, determinando que meu jutsu fuuton estava em uso. Nas várias vezes que treinei inicialmente eu não conseguia passar mais que trinta ou quarenta minutos mantendo esse estado, mas talvez uma semana depois se via resultado. Claro que só era possível treinar dessa forma por eu não estar trabalhando ou coisa do tipo, então era aí que precisava focar em melhorar. Dia após dia meu tempo aumentava, trinta ou quarenta segundos por vez, mas era notável e isso me dava energias para continuar.

Como conhecia de anatomia humana, sabia perfeitamente que o sistema muscular humano tende a cada vez mais se acostumar aos exercícios empregados e produzir menos resultados para aqueles que os buscam, tal qual as coisas da vida. Quanto mais você quer, menos você tende a conseguir. Porém, eu não estava muito atento a isso e me sentia eufórico apenas com as melhoras. Nisso passou-se algum tempo sem que houvesse nada nítido de novo no meu corpo, quando finalmente parei para racionalizar e mudei as rotinas de treinos. O que antes era corridas com pesos e utilização do fuuton, agora tornou-se escaladas, pulos, cambalhotas, pequenas lutas com animais silvestres, e, claro, sem nunca deixar que meu jutsu fosse desativado. De certa forma, após essas semanas, ficou claro que meu uso com o Full Throttle melhorara significativamente. Ficava mais fácil mantê-lo e me concentrar em outras coisas. Não que isso não fosse, mas a minha stamina latente e melhorada propiciava essa calmaria e controle.b

Era muito cansativo e pesaroso as rotinas de treinos. Ao fim dele, sentia que meu corpo pedia por mais e que eu não mais cansava tão rapidamente quanto antes. Havia me acostumado a exigir o máximo do corpo o tempo todo: hábito não muito saudável nesse mundo selvagem. Recuperar-se e manter-se cem por cento parecia ser uma exigência da atualidade. À saber, talvez fosse mais importante a resistência que o vigor. Era o que eu estava começando a acreditar.



  • Treinamento para atributo stamina.
  • Palavras mínimas: 450. Palavras feitas: 512.

Técnica:
Nome: Full Throttle
Rank: B
Tipo: Ninjutsu
E.E: Fuuton
Alcance: 80 centímetros
Selos: 4
Duração: 3 posts
Descrição: Com exigência de boa capacidade no fuuton, o usuário amplifica seu chakra em altos níveis a fim de formar uma densa e visível armadura de vento ao seu redor. Assim que em atividade, ela reúne e condensa ar a todo momento, desprendendo-o em propulsões por todo seu alcance quando necessário. A técnica tem o papel de, portanto, facilitar as investidas do usuário, aperfeiçoando seus movimentos ao deslocar precisas rajadas de vento às mínimas atitudes que se faça, melhorando velocidade e agilidade.
Notas: O jutsu propicia um ponto em velocidade enquanto se mantiver ativo e, embora seja rank B, apenas armas básicas são defendidas pela armadura; custa-se o próprio rank para manter no segundo e terceiro post, havendo um intervalo de dois posts para reuso.


Feitan HP 640/640 CK 740/940





Ficha//[url=narutorpgakatsuki.com.br/t46850p25-mf-ayura]M.F.[/url]
Ver perfil do usuário

2 Re: Toreining [A] em 3/12/2016, 17:09

Shiroshi

avatar
Espadachim
Espadachim
Vy

+1 Stamina



If you have time to think of a beautiful end, then live beautifully until the end.
Ver perfil do usuário

3 Re: Toreining [A] em 4/12/2016, 13:38

Ayura

avatar
Jounnin
Jounnin
Já fazia um tempo que o ócio me dominava, talvez um ou dois meses desde que executei alguma tarefa considerável, qualquer que fosse ela. Encontrava-me almoçando num restaurante qualquer, pois a preguiça de preparar comida sempre foi presente. Comida mediana, ambiente mediano, vida mediana. Era necessário retomar ou dar um jeito na minha vida. Algo não estava como eu queria, e esse algo era exatamente o que eu havia treinado um tempo atrás. Condicionamento ou energia física. Em minha mente, eu tinha certeza que para ser um shinobi de elite, fazendo jus ao rank de jounin, eu precisava exceder minhas capacidades físicas e mentais.

Precisava, inicialmente, achar um objetivo. Uma marca que, assim que a atingisse, saberia que o treinamento na estamina estaria terminado. Mas, obviamente, tinha que ser algo poderoso e difícil de ser atingido. Após muito pensar e averiguar, decidi que mover-me em capacidades totais por seis horas seria a marca. A julgar pelo meu corpo, aguentava no máximo três. Vendo a lua cintilar e as nuvens passarem por entre minha janela, saltei da cama e comecei os treinos. O campo de treinamento de Kumo seria o local inicial para os embates. Lá corria exaustivamente, saltava a todos impulsos, dispunhava de socos e chutes nos arvores, além de esquecer completamente a palavra ''economia''. É de notória consciência que é necessário economizar as energias motrizes em lutas e eventos importantes, isto, é, chakra e vigor. Entretanto, ali eu tinha que fazer exatamente o contrário.

Um, dois, três dias se repetiram assim. Eu aproveitava a noite e o frio dela, pois não havia ninguém naqueles grandes campos. Mas, no quarto, algo mudou. Uma pessoa estava ali. Por suas vestes, aparentava ser alguém que malhava muito e estava preocupado em manter a forma. Bingo. Certamente a pessoa sabia sobre aumentar resistência, não? Por pura antipatia, passei alguns dias repetindo meus treinos até conseguir abordar o homem, que mais parecia um civil. "Você não saberia como melhorar a energia física, ou saberia?" eu simplesmente não conseguia não ser irônico, mas aquelas várias noites que passamos praticamente exercícios similares e sendo observados revelava que tínhamos algo em comum.

— Cansaço. Você já deve estar para aumentar o seu máximo. — Aquelas poucas palavras deram luz aos meus treinos, que, apesar de estarem dando resultado, pareciam nunca serem efetivos. Você precisa, conclui com sua ajuda, chegar à exaustão, ou estar próximo dela, para que seus limites sejam superados. Dispondo de algumas horas, o real produto efetivo das minhas longas corridas e desenvolvimentos performáticos era pouco. Entendendo a mensagem, exauri todo o meu chakra através do Kage Bunshin, coisa que passei a repetir nas vezes seguintes a esse fatídico dia.

Com aquela pessoa passei a treinar lutas e gastar as energias restantes em movimentos caóticos. No começo eu não conseguia acompanhá-lo nem mesmo por uma hora. Era óbvio. Meus treinos estavam todos errados. Dia após dia eu não conseguia ver muita diferença, claro, o insumo ganho eu devorava no Kage Bunshin e passava a treinar como se nunca tivesse feito nada. Contudo, no fundo, sabia que havia diferenças no meu condicionamento. Após longas semanas de exaustividade, decidi aparecer lá com todo o meu chakra. E assim sucedeu um bom momento e um ótimo treino: passei muito mais que seis horas em minhas totais capacidades, mas o homem que me ajudara ainda mantinha-se ativo e de pé. Só provava que por mais que pessoas como eu treinassem, sempre existirá alguém melhor e mais forte. Bom, eu certamente não dos que desanima com isso. Ao contrário, eu devia ficar ainda melhor, mais inteligente e mais forte para superá-los.

  • Treinamento para atributo stamina.
  • Palavras mínimas: 450. Palavras feitas: 602.

Kage Bunshin no Jutsu
Rank: B
Selos: 1
Descrição: A Técnica Clones das Sombras é uma técnica desenvolvida pelo Segundo Hokage: Tobirama Senju. Semelhante ao Bunshin no Jutsu, esta técnica cria clones do utilizador. No entanto, esses clones são cópias reais, não ilusões. O chakra do usuário é uniformemente distribuído entre cada clone, dando a cada clone uma fração igual de poder global do usuário. Os clones são capazes de executar técnicas por si só e pode até sangrar, mas normalmente se dispersarão após um ou dois golpes sólidos, no entanto, mesmo assim, dependendo do crescimento do utilizador com a técnica, pode não ser suficiente, como é evidente quando, durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi alguns clones mais notáveis de Naruto tomou batidas pesadas, mas não se dispersou. Os clones podem também dispersar por si próprios. Os clones serão criados em aproximadamente a mesma condição que o original. No entanto, enquanto no Kyuubi Chakura Modo, Naruto é capaz de criar clones de si mesmo em sua forma regular.


Feitan HP 640/640 CK 240/940





Ficha//[url=narutorpgakatsuki.com.br/t46850p25-mf-ayura]M.F.[/url]
Ver perfil do usuário

4 Re: Toreining [A] em 5/12/2016, 19:00

Aprovado




MG BC FL ST CJ
Ver perfil do usuário

5 Re: Toreining [A] em 20/12/2016, 09:03

Ayura

avatar
Jounnin
Jounnin
A brisa do campo de treinamento me parecia agradável por voltas das 16h da tarde. Era, de certo, um horário que eu gostava de aparecer por ali e observar os futuros jounins da vila. Fazia algum tempo que eu havia conseguido tal posto, e meus olhos se voltaram para os que estavam em fase de desenvolvimento. O que mais me chamava atenção nas crianças e adolescentes, até mesmo nos mais velhos e barbudos que eu, era a velocidade. Não conseguia entender como raios os shinobis não se preocupavam em ser rápidos, ágeis e certeiros. Tudo é possível ser evadido com velocidade, ao menos quase tudo. Minha grande fraqueza, os genjutsus, eu ainda não tinha uma solução viável e pronta, confiando somente e tão somente na minha inteligência para anulá-los. Um raio laser? Um chute? Um meteoro? Apenas corra. E eu estava certo que minha velocidade era completamente dentro dos padrões, até encontrar um garoto de 10 anos que apareceu para treinar por ali; nunca havia o visto.

Em poucos minutos de aquecimento ele demonstrou tamanha potência nos pés que fiquei consternado e motivado a tentar ser mais e mais rápido. O menino aparentemente frágil movia-se com leveza e de uma maneira mais sublime que eu próprio. Destarte, passei a treinar regularmente junto ao pessoal que ali residia. Até fui alvo de comentários "razoáveis" — bondosos ou não, eu não estava interessado em ouvi-los. Talvez julgassem que eu era muito preguiçoso, o que de certa forma era verdade: passei dias e dias apenas observando e matando tempo. Mas enfim comecei. Corria grandes distâncias em máxima velocidade, levantava pesos com os pés, trabalhando cada músculo dele, executava bateria de saltos e todo o básico para fortalecer impulsos e adquirir força. Não muitas pessoas sabem, mas o ato de correr se dá com o empurrão que as pernas dão no chão. Ou seja, quanto mais força nas pernas, provavelmente mais rápido é possível correr.

Alternei dias de velocidade com dias dessa tal força, de modo que aos poucos pude sentir meu corpo ganhar energia e ser mais veloz. O problema é que malhar e correr apenas era desmotivador. Fora necessário um desafio. E ele consistia na utilização do meu jutsu Ko. Com um Kage Bunshin a poucos metros, ele executava a técnica e disparava uma kunai em mim. Dada a absurda velocidade do jutsu, as distâncias eram, no começo, grandes. Uma coisa é certa: não desviar significava morte. E isso eu não podia permitir. Talvez nos dois primeiros dias meu coração saltava pela boca, ao passo que meu corpo sofria cortes medianos. No entanto, isso apenas me motivava a ser mais rápido. Com a rotina excessiva de treinos, pude notar que aquela distância a que meu Kage Bunshin ficava estava gradualmente reduzindo. E assim foi, até o ponto em que foi necessário parar. Meu corpo com certeza adquirira mais velocidade.



  • Treinamento para atributo velocidade.
  • Palavras mínimas: 450. Palavras feitas: 477.
  • Meu último post foi na quest, mas só falta ser aprovada, portanto postei isso aqui pra adiantar. Qualquer coisa, vocês apagam e eu reposto, mas creio que não haja problemas.
JUTSUS:
Kage Bunshin no Jutsu
Rank: B
Selos: 1
Descrição: A Técnica Clones das Sombras é uma técnica desenvolvida pelo Segundo Hokage: Tobirama Senju. Semelhante ao Bunshin no Jutsu, esta técnica cria clones do utilizador. No entanto, esses clones são cópias reais, não ilusões. O chakra do usuário é uniformemente distribuído entre cada clone, dando a cada clone uma fração igual de poder global do usuário. Os clones são capazes de executar técnicas por si só e pode até sangrar, mas normalmente se dispersarão após um ou dois golpes sólidos, no entanto, mesmo assim, dependendo do crescimento do utilizador com a técnica, pode não ser suficiente, como é evidente quando, durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi alguns clones mais notáveis de Naruto tomou batidas pesadas, mas não se dispersou. Os clones podem também dispersar por si próprios. Os clones serão criados em aproximadamente a mesma condição que o original. No entanto, enquanto no Kyuubi Chakura Modo, Naruto é capaz de criar clones de si mesmo em sua forma regular.

Nome: Ko
Rank: B
Tipo: Ninjutsu
E.E: Fuuton
Alcance: 20 metros
Selos: 4
Velocidade: Variável
Duração: 1 post
Descrição: Elevando sua afinidade com o fuuton ao máximo, o usuário projeta uma aura especializada em velocidade e perfuração, apelando ao formato de propulsão alaranjada graças ao elevado atrito do chakra com o ar. Ko se baseia no princípio básico de rajadas e perfurações rotativas para funcionar, sendo necessário apenas uma pedra para isso. Qualquer objeto que o jogador queira, ao tocá-lo, torna-se um lâmina perfeita de grande impulso, capaz de penetrar rochas sem perder muita força.
Nota: A velocidade é quantitativamente igual aos pontos em ninjutsu.


Feitan HP 680/690 CK 700/1040





Ficha//[url=narutorpgakatsuki.com.br/t46850p25-mf-ayura]M.F.[/url]
Ver perfil do usuário

6 Re: Toreining [A] em 20/12/2016, 09:05

Ayura

avatar
Jounnin
Jounnin
Certo tempo após treinar e ampliar minhas capacidades em distâncias percorridas, era notório que ainda não havia me igualado em maestria àquele pirralho que incessantemente melhorava suas técnicas no campo de treinamento. Dia após dia eu ia lá para observar a todos os shinobis da vila em seus treinos corredios, talvez apenas para matar meu tédio, talvez para rivalizar em alguma coisa. O fato é que um menino de somente 10 anos mostrava-se um verdadeiro perito na arte corporal. Era de certo que ele não tinha nem um décimo da minha proeza em ninjutsu, nem um centésimo em fuuton, mas sua idade me instigava um malicioso sentimento que ele não poderia ser melhor que eu em coisa alguma. Obviamente, tudo ficava na minha cabeça. A observação me fez perder a compostura e indagá-lo diretamente sobre minhas névoas:

— Olá. Por que não testamos um pouco de sparring? Gostaria de aprender com você. — Nunca foram ditas palavras tão mentirosas. O que eu queria era vencê-lo corporalmente e nada mais. Para isso, parti para cima do menino com um chute lateral, depois uma rasteira, alguns socos e uma tentativa de cotovelada mediante suas defesas. Tudo foi facilmente evadido, ao passo que um único chute do garoto fez meu antebraço me arrastar alguns centímetros de onde eu estava. Franzi meu cenho e me dei por vencido, era óbvio que eu não estava em seu nível. Talvez por essa razão e pelo menino saber que eu era um perito em fuuton e jounin da vila, aceitou treinar comigo. A partir daí, os dias foram ainda mais puxados que antes para treinar meu taijutsu. Minha linguagem corporal, por assim dizer.

"A sua velocidade está muito desproporcional à sua agilidade e leveza" martelava aquele aspirante a sensei. Parecia ridículo ouvir isso de alguém como ele, mas era verdade. Treinamos arduamente as acrobacias, rasteiras, chutes, movimentos rítmicos e tudo mais que compõe o taijutsu por dias, talvez semanas. O fato era que o treino gratificava com o aprimoramento e com a endorfina dada em seu fim. Sei que, em dado dia, esforcei-me para estar completamente restaurado e propor uma luta com o garoto. Suas últimas palavras comigo foram de certa forma essenciais para minha vida: "Você não precisa lutar comigo outra vez. Já está bom o suficiente." Para que tentar, se você já está lá?

Mas não foi bem isso que eu aceitei. Minha personalidade era explosiva e impaciente. Saltei com velocidade buscando um chute aéreo, chegando ao chão com minha mão esquerda, rodopiando e tentando encaixar uma canelada em suas costelas. Impulsionei-me ainda mais e busquei acertar golpes, quaisquer que sejam; chutes, socos, cotoveladas, joealhadas, mas coisa ou outra dava parcialmente certo, nunca realmente certo. Seu nível estava além. O que não queria dizer que eu não havia melhorado. Havia, e muito. Me sentia mais próximo a ele, no entanto ainda era parecia inalcançável vencê-lo em curto prazo. Sorri e disse-lhe: "Acatarei suas palavras". Após isso, me virei para descansar e tomar destino, agradecendo-o da forma que pude.


  • Treinamento para atributo TAIJUTSU.
  • Palavras mínimas: 450. Palavras feitas: 503.
JUTSUS:
Kage Bunshin no Jutsu
Rank: B
Selos: 1
Descrição: A Técnica Clones das Sombras é uma técnica desenvolvida pelo Segundo Hokage: Tobirama Senju. Semelhante ao Bunshin no Jutsu, esta técnica cria clones do utilizador. No entanto, esses clones são cópias reais, não ilusões. O chakra do usuário é uniformemente distribuído entre cada clone, dando a cada clone uma fração igual de poder global do usuário. Os clones são capazes de executar técnicas por si só e pode até sangrar, mas normalmente se dispersarão após um ou dois golpes sólidos, no entanto, mesmo assim, dependendo do crescimento do utilizador com a técnica, pode não ser suficiente, como é evidente quando, durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi alguns clones mais notáveis de Naruto tomou batidas pesadas, mas não se dispersou. Os clones podem também dispersar por si próprios. Os clones serão criados em aproximadamente a mesma condição que o original. No entanto, enquanto no Kyuubi Chakura Modo, Naruto é capaz de criar clones de si mesmo em sua forma regular.


Feitan HP 680/690 CK 600/1040





Ficha//[url=narutorpgakatsuki.com.br/t46850p25-mf-ayura]M.F.[/url]
Ver perfil do usuário

7 Re: Toreining [A] em 21/12/2016, 14:28

Karma

avatar
Jōnin
Jōnin
OK.





Como um monstro para você, eu te persigo.
Como um monstro para você, eu te ataco.
Como um monstro para você, eu te devoro.
Como um monstro para você, eu choro.


——— Perfil de Autor

Ver perfil do usuário

8 Re: Toreining [A] em 30/12/2016, 15:08

Ayura

avatar
Jounnin
Jounnin

Já aquecido, dei algumas voltas ao redor da água, dessa vez treinaria minha velocidade para além dos meus limites. Tentei correr o mais rápido possível, mas minhas pernas não acompanhavam. Um cadeirante era mais ágil com os pés do que eu. Podia culpar o meu tamanho e aceitar, mas preferi acreditar que fui displicente com afazeres básicos por pura preguiça; correr, tornar-se ágil, são deveres shinobi. Um homem rápido é um assassino em potencial. O índigo olhar que ostentava cruzou o carmesim da minha calça num flerte duvidoso. Não me movia rápido o suficiente. Minhas pernas me abandonariam mais cedo ou mais tarde. Pensei nisso abraçando-as, encolhido e molhado ao me escorar numa árvore de frente pro lago de onde acabara de sair. Levantei e perscrutei os arredores com as mesma audácia com que outrora cacei por respostas em mim. Troncos robustos e maciços, numerosos, altos. Eu jamais conseguiria derrubar. Jamais...

As boas ideias brotam como ervas daninhas quando reconhecemos nossa insignificância. Eu nunca traria ao solo um com aquela proporção só empurrando, então poderia forçar minhas pernas se investisse incansavelmente abraçado na madeira. Mas poderia ficar mais divertido. Um admirador do sumô, desenhei um dohyo com uma kunai, estava pronto para gladiar com a natureza. Gargalhei escandalosamente ao perceber o quanto eu poderia ser idiota e espontâneo. Vulgar, bati nas pernas e pisei forte no chão. - Dance comigo, árvorezinha! - Arremeti, lançando meu corpo tão grande e ao mesmo tempo tão insignificante no paredão de galhos e folhas. Cada vez mais forte. Cada vez mais duro. Cada vez mais rápido... parei pra perceber. Estava exercendo arrancadas desde o princípio. O meu adversário fantasioso sempre me parava, eu retornava e arrancava repetidamente.

Meu ombro, peito, rosto, braços e palma das mãos estavam vermelhos e cobertos de casca de árvore. Praticamente despido, eu parecia um yokozuna com um percentual de gordura admiravelmente baixo para a categoria esportiva. Parecia sumô, muito mesmo. Era uma brincadeira séria, me divertia imensamente ali. Os galhos chicoteavam e pareciam querer vingança pelo tronco em que eu acometia. Ouvia o choro farfalhado da natureza pagando o preço pela minha velocidade. - Desculpe por isso, fadinhas do bosque! - Finquei os meus dedos na terra, inclinei o corpo e flexionei os joelhos, liberando num impulso. Clac. Horas batendo até quebrar o meu inimigo. Um dos mais resistentes sem pestanejar na escolha.

Meu corpo rubro cedeu e consequentemente vi que molhou de sangue o dohyo improvisado. Até guerreiros afiados como espada cansavam de uma jornada produtiva e puxada como essa. Formei-me como um emaranhado de fios já fora do círculo descrito para pegar minhas roupas. Pareciam não estar mais lá. Esse treino serviu para criar mais força nos pés e mais resistências nos impulsos, tornando-se efetivamente mais veloz.



  • Treinamento para atributo velocidade.
  • Palavras mínimas: 450. Palavras feitas: 460.


Feitan HP 690/690 CK 500/1040






Ficha//[url=narutorpgakatsuki.com.br/t46850p25-mf-ayura]M.F.[/url]
Ver perfil do usuário

9 Re: Toreining [A] em 30/12/2016, 15:09

Ayura

avatar
Jounnin
Jounnin
Perto da vila e num campo onde um rio fluía em sua plenitude à esquerda de mim, eu aguardava em silêncio, sentado numa rocha qualquer. Nesse momento, eu estava indagando sobre o que era necessário para me tornar mais inteligente e menos taciturno, enquanto isso, shinobis conterrâneos faziam sua passagem por ali. Como jounin, eu deveria talvez ser mais humilde e procurar alguém mais experiente para me ensinar o caminho da sabedoria. Meus olhos tateavam o ambiente em busca de algo que nem mesmo eu sabia o que era. Coloquei um pirulito na boca e assisti a cena espalhafatosa de um senhor completamente rosa. Ele estava louco? Quem o daria atenção? Desviei o olhar e passei a observar os pequenos animais que saltavam fora do rio. Com um pequeno pulo e um bater de mãos nas roupas – a fim de tirar um pouco da poeira que sempre se acumula, ao mesmo no sentido figurado – levantei-me e disse-lhe: "Busco uma mente mais afiada e um pensamento forte." – Não acredito que você possa me ajudar – em verdade vos digo que eu estava sendo tanto irônico, quanto verdadeiro. Acreditava, porém, que a inteligência andava junto com a discrição. Não poderia estar mais errado, não?

— Meu querido, conheceste tu a solidão e a transformara em força. Porque diferencias mágica deste ato? Convertera a própria essência da tristeza! — Explicou o sábio. Para ele, as ideias e pensamentos do ser humano eram a maior prova da existência da "magia" — Queres transcender através do conhecimento, mas já possui o conhecimento em ti. Basta acessá-lo! — O senhor levantou-se, tateando as roupas. Levou a mão a sua bolsa e dela trouxe um livro. Folheou as páginas, até encontrar uma específica e entregou ao genin — Esta é uma fábula muito antiga. Chama-se A menina e seu primeiro pote de leite. Leia-o. — E assim foi embora. Assim, o prosseguimento da conversa se deu com o velho buscando um livro de sua bolsa.

Ao folhear, ordenou-me que lesse uma fábula. Minha linguagem pra leitura não era tão sofisticada, porém os escritos eram extremamente simples e curtos. Instantes depois, a moral da história invadiu meus olhos e obtive um relance de informação aproveitada — eu deveria ser mais calmo e buscar um passo de cada vez. Talvez a verdadeira sabedoria pudesse ser alcançada desse modo. Infelizmente, quando meus olhos correram o pátio, não pude encontrar o velho para dizer-lhe com entusiasmo o que eu pensava da história. Será que nunca mais o veria? Que a missão dele já havia terminado? Retornei para minha casa a fim de descansar e averiguar meu passado, saber de que maneira poderia ter tornado minha vida atual mais significante, porém encontrei respostas imediatas e me enchi de dúvidas. Retornei, assim, para o mesmo local no outro dia na esperança de encontrá-lo e prosseguir com o que quer que estivéssemos fazendo.

Ao enxergar ele, noutro momento, corri para dizer-lhe o que queria: — Devo me ater ao presente e buscar um passo de cada vez, não é? De fato, eu estava sendo muito apressado, então imagino que seja por essa razão que mandaste que eu lesse esse conto. Mas, todavia — fiz uma pequena pausa de descontentamento e ênfase nos conectivos — eu preciso de instruções que julgues serem importantes. Não sei até quando o senhor estará por aqui para me aconselhar pessoalmente, nem muito menos até quando minha paciência se mostrará firme. — Esperava não ter ofendido ele; sabia, no entanto, que a dez centímetros por dia eu nunca cruzaria a maratona que é tornar-me obstinado e perspicaz com pulso firme e coerência. Estendi a mão e ofereci um pirulito de baunilha, na esperança de que ele entendesse que eu não tentei mostrar-me apressado. Até porque, afinal, a fábula pregava o contrário da pressa. Nada de fazer muitos planos a frente. Fui instruído a ler determinados livros e praticar diversos teoremas nas áreas que eu era mestre, por exemplo, na criação de substâncias e no ninjutsu. E foi o que fiz, talvez algo durante a vida toda: a paciência e a resiliência levam longe. Com o passar dos meses, podia sentir-me mais inteligente e mais afiado.

  • Treinamento para atributo inteligência.
  • Palavras mínimas: 450. Palavras feitas: 698.


Feitan HP 690/690 CK 500/1040





Ficha//[url=narutorpgakatsuki.com.br/t46850p25-mf-ayura]M.F.[/url]
Ver perfil do usuário

10 Re: Toreining [A] em 30/12/2016, 15:11

Convidado

avatar
Convidado
app

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum