Naruto RPG Akatsuki
Olá visitante, registre-se em nosso fórum e venha fazer parte desde mundo mágico de Naruto, sim, seja um Ninja! Veja no vídeo abaixo os primeiros passos para fazer parte deste mundo após o seu cadastro!


Convidado


26/7/2017, 13:27
Mensagens: 0
Geral
RPG
Ficha de personagem
Rank:
Perso:
HP:
CK:
ST:

Notificações
Não há notificações
Resetar as notificações
Tema novo!
Meta: 400,00 R$ Recebido: 70,00 R$
00%
compre Seus AGs Pelo Pag Seguro e Paypal
UPDATES!
18.07.2017 — Karma aqui passando para avisar que a área de Regras & Tutoriais sofrerá uma reorganização onde alguns tópicos serão fundidos e outros mudados de posição, melhorando também os textos das regras procurando remover furos e melhorando o entendimento dos usuários.
ESTAÇÕES & EVENTOS
Ano: 07
Primavera:
12/07 -- 03/08
Verão: 04/08 -- 26/08
Outono: 27/08 -- 19/10
Inverno: 20/10 -- 13/11






Últimos assuntos

» to fortao
por shirotsuki Hoje à(s) 13:25

» 04. Solicitação de Especialidade
por Katia Mello Hoje à(s) 13:25

» [LISTA] Membros de Kumogakure.
por shirotsuki Hoje à(s) 13:24

» [A] - Katia Mello
por Katia Mello Hoje à(s) 13:17

» 01. Solicitações de Missões
por DouglasCapiotti Hoje à(s) 13:16

» [Q] Missão Especial
por Katia Mello Hoje à(s) 12:49

» [Q]Yomo- Teletransporte
por Yomo Hoje à(s) 12:47

» [C] Rinne
por Katia Mello Hoje à(s) 12:47

» 02. Solicitações de Aprendizagens & Treinos
por Ginko Hoje à(s) 12:46

» [M] Ryujin || Missão Nukennin Rank D - Bandidos de Terno
por Zephyros Hoje à(s) 12:38

Procurados
Procurados RPG Akat


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

[Q.T.] - Perito Elemental em Raiton

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Shiroshi

avatar
Espadachim
Espadachim
Qualidade Treinável

Perito Elemental - Raiton (2)
Tipo: Treinável.
Descrição: Normalmente os personagens focados na utilização de ninjutsus elementais acabam desenvolvendo perícia em uma determinada natureza de seu chakra, não sendo necessariamente sua afinidade elemental, como demonstrado por Sasuke Uchiha.
Bonificações: Reduz os custos do elemento em questão em 50%.



If you have time to think of a beautiful end, then live beautifully until the end.
Ver perfil do usuário

Nach

avatar
Chūnin
Chūnin

Há aos arredores da vila um misterioso homem cuja aparência está bem escondida sob vestes longas e bandana na boca. Ele aproveita seus momentos de solidão para retirar sua bandana e tragar alguns cigarros de cannabis. Aquele seu pequeno e profano vício era a única alegria existente em seu coração. Suas escleras avermelhadas e pupilas verde fluorescente chamam certa atenção, mas isto nunca o incomodou. Por detrás de suas roupas que exageradamente cobriam todas as partes de seu corpo, deixando amostra apenas o seu excêntrico olhar, havia um homem certamente estranho. Em uma aparência casta e misteriosa.
Não sabe ele quem lhe deixou no mundo. Provavelmente seus pais o tenham deixado para morrer quando o mesmo foi achado em uma podre lata de lixo. Tanto faz, afinal, desde o momento em que descobriu suas habilidades, o mesmo prefere ficar distante dos demais moradores da vila.
...
Ele chegava ao fim de seu fumo e então locomovia-se ao campo de treinamento. Um que fosse próximo aos arredores, logo mais afastado do centro. O que resultada em pouquíssimas pessoas para incomodá-lo.
Ele montava alguns alvos e então deixava que raios circulassem por seu corpo. Acertando cinco alvos a distância de trinte metros de uma só vez, em incrível velocidade. ''0,02 segundos'' - afirmou.
Repetia o processo, observando que a medida de tempo foi a mesma. A manipulação dos raios parecia não fazer uso de nenhuma espécie de selo. Yamero, um jovem e prodigioso ninja, por algum motivo iria a este campo. Provavelmente, para treinar. Ele terá a chance de por alguns minutos observar o treino do homem, sem que o mesmo repare em sua presença.
Não é qualquer tipo de treino que chamaria a atenção do rapaz. Mas talvez a velocidade dos raios, seu poder, o fato de não usar selos e, caso visível, os olhos daquele homem. Não são iguais aos seus, quando sob domínio do poder de sua kekkei genkai. Mas eram chamativos.
O homem então observa a presença de uma segunda pessoa. Olha-o, profundamente, como quem vê sua alma. E então, cessando seu treinamento, ele senta em um banco. Tirando sua bandana, algo que não faz costumeiramente na frente de outras pessoas. Ele começa a tragar seus cigarros de haxixe.
O problema não era seus cigarros em si. Mas as estranhas marcas em sua boca deverão assustar a primeira vista. E não era algo que ele poderia fazer em pública. Não se sabe o motivo, mas ele não ligava de fazer isso neste momento. Não com aquele garoto.



Links importantes:

Ficha
Acompanhamento
Clã
Criação (V) > Laboratório (V)> Att-Jutsu
Treinos
ModFich > ModPerfil
Bank
Ver perfil do usuário

Shiroshi

avatar
Espadachim
Espadachim

 

 

     
雷遁 - Raiton
Never trust anyone too much
remember the devil
was once an angel.

Incrível era a luz emanada pelo sol naquela manhã, o clima ameno renegava o calor que se matinha em contraste com tanta luz. O garoto se levantava para mais um dia irrelevante em sua vida, sua rotina de treinos havia sido concluída e até então nada das falácias do homem de outrora se concretizarem, a paz por enquanto reinava na folha. Sonolento e entediado, Shiroshi refletia novamente sob a corrente de água em sua cabeça, seria perto d'água seu lugar reconfortante? Tão bela, transparente, primordial, expressiva... Contudo em si reinava apenas o caos, raios e tempestades. Era essa sua natureza de chakra, nativa de berço, o garoto manipulava raios e suas artimanhas muito bem, contudo, nunca se viu como um grande fã de tais habilidades e sempre invejou outros elementos, principalmente a água, manipulada pela garota de seus sonhos. No momento ele não despunha de um arsenal infinito e por meio de seus ideais, decidiu que seria o melhor com sua afinidade elemental, traria os raios dos céus à terra!

Finalizou seu banho e se vestiu, dirigindo-se então até o seu resguardo de conhecimento. Um amontoado de livros e pergaminhos eram vistos em um dos cantos do que sequer poderia ser chamado de sala. Revirou-os por uma hora e de nada adiantou, neles não continham informação alguma sobre a masterização de elementos, concluiu então que partiria de si a iniciativa para desenvolver sua habilidade. Deixando sua casa totalmente debruçada aos ares, o garoto saiu de sua residência e quando se deu conta, caminhava pelas ruas da movimentada folha.

"O que "raios" vou fazer aqui? Jogar raiozinhos por aí? Tsc" - refletia em trocadilhos revoltados e negativos em relação a sua necessidade em desenvolver um dos seus pontos necessários para sua evolução e chegada ao topo da hierarquia social.

Passaram-se dezenas de minutos e o jovem ninja não tirava proveito algum em observar fiações elétricas ou eletrodomésticos. Sua caminhada não se encerrou e logo se encontrou em um campo totalmente inóspito, nenhuma viva alma usufruía daquele campo... que aparentava ser de treinamento? Árvores e espantalhos eram vistos ao redor, seria tão pouco frequentado pelo simples fato de ser afastado do centro da cidade? Estranhou o garoto e diminuindo o ritmo de seus passos, continuou a andar pelo plano daquele campo gramado, observando atentamente seus arredores

Ao contornar as extremidades daquele campo, o garoto avistou um homem sozinho estático no campo, provido de cabelos longos e olhos verdes avermelhados. Nos primeiros instantes o que lhe chamou atenção foi a possibilidade de ser mais um de sua linhagem, contudo após análise aprofundada, notou que se tratava de apenas - talvez - um maconheiro. Contudo, ao desfocar dos olhos, notou que seu traje era extremamente oculto, escondendo todas partes de seu corpo, juntamente à sua bandana que escondia sua mandíbula. Era no mínimo misterioso, lembrando levemente das vestes do portador do sharingan de outrora.

Raios contornavam e circulavam o corpo daquele homem, chamando instantaneamente a atenção de Shiroshi que permaneceu quieto observando o homem desconhecido. Em milésimos de segundos os raios desapareceram e o que o garoto pôde acompanhar foram apenas vultos em direções variadas, que ao serem conferidas pelo olhar do jovem ninjas, conclui-se que os raios foram manipulados até os alvos a rinta metros dali. Seria possível um dominador com uma manipulação tão precisa e rápida? Tamanho poder de impacto não viria à tona perante à qualquer manipulador de raios, instigando cada vez mais o jovem garoto.

Seria o destino dando as caras pela segunda vez ao garoto? Não, não. Ele sabia muito bem que se seguisse o que lhe fora reservado, viveria em caos e desespero. Até então Shiroshi não havia tido sua presença notada, talvez pela sua insignificância pra aquela cara. Avistou o homem se sentar em um banco que repousava nas proximidades, junto ao olhar avermelhados que se apontaram para o jovem ninja. Sua presença nem um pouco ocultada fora notada, contudo o homem não pareceu se importar e permaneceu sentado, agora, sem bandana que cobria sua boca que se punha a fumar um cigarro.

"Então o parceiro gosta de tragar “aqueles”. Teus olhos te denunciam." - ironizou em sua própria mente ao presenciar tal cena um tanto quanto hilária.

Não resistindo ao mistério e maestria daquele homem, o garoto se propôs a realizar uma aparição impactante, para que talvez, despertasse o interesse do mesmo. Investiu o garoto em alta velocidade contra o homem, realizando nesse intervalo de tempo uma projeção de um cão a base de relâmpago que fora direcionado para entre as pernas daquele homem relaxado. Cessou sua investida ao estar a dois metros do misterioso homem, indagando-o logo em seguida.

— Te assustei? Espero que não... Bom, vou ser direto. Como você fez aquilo agora a pouco? Como posso dizer... eu não gosto de relâmpagos, contudo, eles gostam de mim.



Descrições
Kekkei Genkai:


Kagune
Descrição: A Kagune (赫子, Escama Vermelha) é uma kekkei genkai corpórea presente tipicamente nos membros do clã Yoshimura que concede ao portador a capacidade de manipular seu tecido muscular através de infusão de seu chakra ao próprio organismo, manipulando assim o crescimento dos músculos, assim como a densidade e flexibilidade, expandindo este poder também ao controle manipulativo da própria carne.

Ainda que muito forte, essa habilidade não permite a projeção de qualquer zona muscular do corpo, pois, diferente de humanos normais, a própria estrutura celular dos indivíduos demonstra-se diferente, sendo difícil, por exemplo, tratar doenças nestes membros - outro possível fato de sua quase extinção. Os membros que possuem em seu DNA esta capacidade, os fazem, inicialmente, por lugares apropriados para isto, algo chamado de Kakuhō pelos membros da linhagem.

Estes pontos denominados Kakuhōs são zonas específicas no corpo de um indivíduo onde a concentração de células maleáveis (Células RC) é infinitamente maior, permitindo assim a manipulação e projeção para fora do corpo da própria carne e músculos, criando armas poderosas com o próprio corpo. Ao todo existem quatro pontos conhecidos: à altura dos ombros chamada de Ukaku, entre as omoplatas chamada de Koukaku, na região lombar chamada de Rinkaku e na área do cóccix chamada de Bikaku. Além destas zonas, o indivíduo pode facilmente manipular a regeneração da carne e músculos para recuperar-se da danos até medianos uma vez por turno com custo de vinte pontos de chakra, podendo inclusive ajustar o corpo para uma melhoria muscular, mas, ainda assim, dificilmente conseguem reconectar membros perdidos apenas com a habilidade básica.
Jutsus Usados:


Nome Raiton: Raijū Tsuiga
Rank: C
Descrição: Ao manipular chakra relâmpago em sua mão, o usuário pode fazer o relâmpago expandir-se para criar a forma de um cão de caça. O cão permanece conectado à mão do utilizador, permitindo-lhe controlá-lo brevemente durante o seu ataque.


Yoshimura Shiroshi
Sangue: 650/650
Chakra: 505/530

Template by Karma(NRPGA)

LEGENDAS
Narração Falas Pensamentos



If you have time to think of a beautiful end, then live beautifully until the end.
Ver perfil do usuário

Nach

avatar
Chūnin
Chūnin
''Então ele vai atacar?'' - pensou. Já estando de olhos abertos e fixados nos movimentos do estranho. ''Se ele já chega assim em homens, imagino que não tenha muito jeito de chegar em mulheres'' - questionou. O seu trago chegava ao fim, com a chama corroendo toda a erva e então obrigando o mesmo a jogar fora o seu cigarro em um canto qualquer.
O rapaz vinha em direção a ele. Seu sorriso, no canto de boca, apenas acompanhava-o. Vendo-o desacelerar e usar-se de um técnica. ''Raiton... '' pensou ''Quanta nostalgia isto me trás. Lembra-me de quando era um principiante no estilo'' riu consigo mesmo. Um chicote surge numa de suas mãos, movimentando-a com agilidade, desfazendo o jutsu do rapaz. Tudo isso em alguns milésimos de segundo. ''0,3 segundo'' pensou ''Tenho que melhorar''.
O garoto ficava à dois metros e fazia uma pergunta, certamente retórica. ''Assustado... A quanto tempo não sinto medo?'' Questionei-me. Ignorando por alguns segundos a presença do rapaz.
- As mais básicas regras de educação dizem que devemos nos apresentar, e um favor só é pedido quando já conquistou a confiança - Repreendeu - Mas sorte sua que não sou educado, e minha confiança se conquista do jeito ninja. - riso irônico. Teria Yamero encontrado alguém tão casca grossa quanto ele?
O garoto não demonstrou nenhuma reação diante das estranhas linhas nas extremidades da boca ''Ele não reparou?'' - questionou-se.  - Eu fiz... Fazendo. - seco. Olhava-o, fixando seus olhos sobre o mesmo - Não vai mostrar seu verdadeiro olhar? - questionou - Minhas escleras não são vermelhas por causa de maconha.
Era de sua vontade falar mais algumas coisas e talvez deixar o mesmo em um abismo de dúvidas, mas não queria brincar agora. Limitou-se a pronunciar algumas últimas palavras - Raiton é perfurante e vibrante. Rápido, diga-se de passagem. Se quer maestria, esqueça o uso de técnicas, por enquanto. A parte principiante e mais divertida é energia estática. Consegue? Se seus cabelos conseguirem ficar eriçados, já é um passo. Ponha a mão sobre eles e concentre-se. O chakra deve ser manifestado, mas transformado. Tenha como chave a palavra vibração. E meu nome é Ceshire. - Ele não era muito voltado a enrolações. Portanto, já começa abordando-o em uma lição básica. A mais divertida, ao menos. De resto, seria apenas sofrimento. E disso, ambos entendiam muito bem.



Links importantes:

Ficha
Acompanhamento
Clã
Criação (V) > Laboratório (V)> Att-Jutsu
Treinos
ModFich > ModPerfil
Bank
Ver perfil do usuário

Shiroshi

avatar
Espadachim
Espadachim

 

 

     
雷遁 - Raiton
Never trust anyone too much
remember the devil
was once an angel.

O garoto mal atingia seu ponto destinado e já percebia que sua técnica antes moldada não existia mais, um feixe de relâmpago cortou-a ao meio num tempo imperceptível para uma pessoa comum. Era realmente incrível o quão veloz e preciso eram as manipulações de raios daquele homem, seria ele algum especialista em uma única área elemental. O garoto mantinha-se inexpressivo independente do quanto impressionado estivesse, escutando em seguia a atípica resposta do homem que buscava talvez ser um tanto quanto sarcástico ou irônico. Aquela era a praia do garoto, ele não buscava simpatia alguma com o misterioso homem, movia-se apenas pela ambição perante àquela estrondosa habilidade com relâmpagos.

Shiroshi se encontrava então, bem próximo do homem que continuava calma e superpotente, tornava-se visível naquela distância algo um tanto quanto curioso. Sua boca agora visível distante da bandana, era envolta por marcas horrendas, cicatrizes que aparentavam ser costurados. O que teria esse homem feito para acabar naquele estado e seria apenas naquele local, tais “feridas”? Ocupou a mente do jovem ninja por alguns instantes enquanto fitava tais marcas. Fora logo interrompido por uma resposta um tanto quanto sem nexo para a dúvida de como teria feito aquelas manipulação tão esplêndida.

— Oi? Tá zoando com a minha cara? – indagou levemente irritado, ao achar que o homem estava fazendo pouco caso de sua presença.

Não lhe foi dado muito tempo nem para sua revolta nem para sua incredibilidade, pois o homem logo prosseguiu em suas palavras comentando sobre um possível olhar verdadeiro que faltava no olhar do garoto. Era fitado intensamente pelos olhos avermelhados daquele homem que prosseguiu novamente ao comentar sobre algo que Shiroshi havia antes pensado.

“Esse cara lê mentes? Um tanto quanto bizarro...” – pensou limitando a si, sabendo que não lhe resultaria nada trazer tal pensamento à tona.

O jovem ninja permanecia a pensar constantemente à cada palavra que ele pronunciava. Olhar? O que afinal o homem queria dizer com tais palavras. Teria ele se referido aos olhos da linhagem de Shiroshi? Ou até mesmo sobre o olhar que denuncia quem verdadeiramente é o próprio garoto, um olhar sanguinário, faminto e que se vê indiferente perante aos humanos. O garoto se perdia em tantas reflexões quando se viu interrompido novamente por uma breve orientação ao respeito do elemento em questão. Menções sobre maestria eram tratadas naquela fala, relacionando ao momentâneo desuso de técnicas. O petiz fluiu no pensamento do tenebroso homem, faria sentido, seu arsenal de técnicas já era alto, contudo nada se equiparava à velocidade daquele homem.  Adentrou nos conceitos de eletricidade estática com conceitos básicos. O homem parecia ter se interessado no garoto, mas mal sabia ele da inteligência contida naquele ninja de cabelos grisalhos, se destacava em massa dos demais e sua leitura sempre fora intensa e pertinente em todos assuntos.  Antes mesmo do homem comentar sobre a vibração característica da eletricidade estática o garoto já articulava sua mão e seus dedos, criando um pequeno campo de eletricidade estática através de fios de chakra elemental interligados, emitindo uma onda de vibração estática enorme numa pequena área de dois metros quadrados. O garoto faria então com que todos objetivos aderentes à eletricidade estática se enrijecessem, incluindo até mesmo o experiente homem.

— Eu não sou iniciante... e meu conhecimento transpassam muitos. Contudo, caro homem... saiba que não sou ignorante a ponto de não conhecer a minha própria extensão de sabedoria. Caso seja necessário reter todos conceitos básicos da eletricidade para atingir essa maestria... o farei. Me guie for de seu interesse. – atribuía algumas informações sobre si próprio ao homem, enquanto reorganizava seu cabelo antes eriçado. — E o meu é Shiroshi... gosto bastante de “carne”. – retribuía ao escutar o nome do tenebroso homem, ativando logo em seguida o “kakugan” em seu olho.



Descrições
Kekkei Genkai:


Kagune
Descrição: A Kagune (赫子, Escama Vermelha) é uma kekkei genkai corpórea presente tipicamente nos membros do clã Yoshimura que concede ao portador a capacidade de manipular seu tecido muscular através de infusão de seu chakra ao próprio organismo, manipulando assim o crescimento dos músculos, assim como a densidade e flexibilidade, expandindo este poder também ao controle manipulativo da própria carne.

Ainda que muito forte, essa habilidade não permite a projeção de qualquer zona muscular do corpo, pois, diferente de humanos normais, a própria estrutura celular dos indivíduos demonstra-se diferente, sendo difícil, por exemplo, tratar doenças nestes membros - outro possível fato de sua quase extinção. Os membros que possuem em seu DNA esta capacidade, os fazem, inicialmente, por lugares apropriados para isto, algo chamado de Kakuhō pelos membros da linhagem.

Estes pontos denominados Kakuhōs são zonas específicas no corpo de um indivíduo onde a concentração de células maleáveis (Células RC) é infinitamente maior, permitindo assim a manipulação e projeção para fora do corpo da própria carne e músculos, criando armas poderosas com o próprio corpo. Ao todo existem quatro pontos conhecidos: à altura dos ombros chamada de Ukaku, entre as omoplatas chamada de Koukaku, na região lombar chamada de Rinkaku e na área do cóccix chamada de Bikaku. Além destas zonas, o indivíduo pode facilmente manipular a regeneração da carne e músculos para recuperar-se da danos até medianos uma vez por turno com custo de vinte pontos de chakra, podendo inclusive ajustar o corpo para uma melhoria muscular, mas, ainda assim, dificilmente conseguem reconectar membros perdidos apenas com a habilidade básica.
Jutsus Usados:


Kakugan
Descrição: O Kakugan (赫眼, lit. Shining Eyes) é a manifestação dos instintos anormais de um descendente da linhagem Yoshimura. Há certo controle e falta dele igualmente na vida de um membro destes poderes, mas visualmente falando as formas são idênticas: as escleras tornam-se negras e as pupilas vermelhas, podendo estar presente em ambos os olhos (sangues-puros) ou apenas um dos olhos (híbridos ou transplantes).
Não há nenhuma habilidade específica para esses olhos, apenas a transformação visual que ocorre quando o indivíduo está em situações de perigo (impossível não ativar, exceto com a qualidade Calmaria), quando estão com fome de cadáveres humanos (isto é, não alimentarem-se de corpo humano por sete dias no mínimo) e acabam se deparando com um ou mesmo quando a Kagune é ativa (pode-se controlar se surge ou não).


Yoshimura Shiroshi
Sangue: 650/650
Chakra: 505/530

Template by Karma(NRPGA)

LEGENDAS
Narração Falas Pensamentos



If you have time to think of a beautiful end, then live beautifully until the end.
Ver perfil do usuário

Nach

avatar
Chūnin
Chūnin
O rapaz em curto tempo teve diversas reações, dentre elas, mostrar que já dominava um uso extremamente básica da eletricidade - Bravo, bravo! - Dizia, primeiramente em tom impressionado - Agora poderá ensinar isto às crianças da academia ninja. -ironizou. Sua interpretação de euforia foi, provavelmente, convincente. Ao menos antes de abrir a boca para proferir mais palavras. - Carne, né? - Questionou. Comentando sobre as próximas palavras do rapaz. - Para o seu próprio bem, lembre-se que não estou no cardápio -ironizou, olhando agora para o verdadeiro olhar do rapaz.
Levantou-se de sua posição. Sabia que para passar algo útil, teria de fazer muito além do que ficar sentado dizendo umas vinte páginas de teoria. - Não vou precisar te explicar sobre conceitos básicos de eletricidade ou conceitos básicos acerca de natureza elemental. Ao menos você me poupou de alguma coisa - Diz. - Então vamos para o que eu chamo de terceira etapa.
Logo após isto, o mesmo erguia alvos, ainda não destruídos, pelo campo. O rapaz, primeiramente, deveria carregar suas kunais com chakra raiton. Isso o ajudaria posteriomente. - Acerte dois alvos apenas com kunais, mas carregando-as com raiton. Como dito, essa natureza baseia-se na vibração. Logo, mentalize o chakra vibrando. Por tais serem feitas de metal, então elas conseguirão conduzir mais facilmente o seu chakra. E este treino é uma base que lhe dará noções sobre como transformar sua natureza, de forma muito mais útil do que estática para crianças de academia, e também, sobre como lançar raios à longas distâncias - Pequena pausa para se entreter nas diferentes reações do rapaz a cada palavra, e logo conclui sua linha de raciocínio - Lanças raios é como lançar kunais carregadas de raiton. Perfurante, reto e vibrante. - Concluiu.



Links importantes:

Ficha
Acompanhamento
Clã
Criação (V) > Laboratório (V)> Att-Jutsu
Treinos
ModFich > ModPerfil
Bank
Ver perfil do usuário

Shiroshi

avatar
Espadachim
Espadachim

 

 

     
雷遁 - Raiton
Never trust anyone too much
remember the devil
was once an angel.

O homem reagia positivamente diante das ações do garoto, emanava algumas palavras que talvez pudessem decretar um ar de ironia. Tantas colocações irônicas e ambíguas faziam com que Shiroshi se sentisse num ambiente confortável, visto que talvez o homem demandasse da mesma linha de personalidade. Seguia acompanhando os comentários do mestre em relâmpagos.

— Crianças da academia? Seriam ótimos alvos para minha fome... – participava da ironia que plainava o ar, naquilo que não se entenderia como um diálogo. — Contudo pode ter certeza que não as faria de alimento em situações normais... nem mesmo você. – concluía perante ao aviso que o próprio homem emitia em relação ao comentário de outrora.

O jovem garoto se afastou no levantar do homem que aparentemente preparava algo para aquela situação. Teria um homem tão forte se prontificado a ajudar um desconhecido? Talvez existisse mesmo uma ligação entre aquelas pessoas, seja em personalidades, traços ou... passados. O homem se movimentava pelo arredor do campo e levantava ali alvos ainda não destruídos e se punha a desdenhar palavras novamente. Orientava o garoto o que deveria ser feito perante os alvos, tratando-se de uma dinâmica de arremesso e condução. Nenhum tipo de ninja que se orgulhe de tal, perambularia por aí sem sua bolsa de armas, contudo o garoto era exceção para tal. Graduado como Chunnin, não portava nem seu colete que deveria ser de praste para todos graduados em tal colocação. Visto que seria necessário objetos sólidos e condutores, o mesmo dispensou técnicas de projéteis e se utilizou de uma artimanha um tanto quanto necessária, visto que não portava armas. Realizou consecutivamente uma sequência de selos e teve-se como resultado o enrijecimento e endurecimento de seus fios de cabelo, em formas de agulhas. O garoto arrancou um montante de dez agulhas que aparentavam senbons brancas e portando duas delas em sua mão dominante, o mesmo canalizou e amassou uma quantidade de chakra, manipulando-o até sua mão e conduzindo esse chakra nas duas senbons, convertendo-o para tal, em chakra elemental relâmpago. A contínua condução era necessária, para estabilizar a vibração do “objeto” para quando arremessado, pois caso sua vibração estevisse instável, perturbaria o trajeto. Concentrou-se e estabilizou a corrente elétrica nas tais e movimentou suas mãos em um lance horizontal, utilizando de sua força e precisão, lançou-as simultaneamente por entre os dedos que as seguravam, mirando cada uma das senbons em um alvo

O garoto por fim, desativou o enrijecimento de seus cabelos e os ajeitou novamente. A tarefa à ele dada, a princípio, se via como básica, contudo demandava de alta concentração e uma absorção completa da teoria que engloba os conceitos da eletricidade conduzida. As vibrações naqueles arremessos notavam-se perfeitas e a velocidade traçada pelas senbons fora maior do que o de costume, atravessando com sucesso os dois alvos. Não comparava-se é claro, com os projéteis de raios arremessados outrora pelo sênior em relâmpagos, porém, para a primeira vez em arremesso conduzido, estava ótimo para o ego do garoto. Era notório que a inteligência e fácil absorção do jovenzinho estava o ajudando de forma inexplicável diante daquelas instruções, contudo o mesmo mantinha a ciência da complexidade envolvida na manipulação das características elétricas.

— Elas poderiam ter sido mais rápidas e eficazes, certo? -  indagava ao seu possível mentor, dessa vez, desprovido de irônica. Sua ânsia por conhecimento sobrepunha naquele momento, sua forte personalidade. — A aceitação do meu elemento é necessária para tal maestria? – realizava mais uma questão, dessa vez um tanto quanto ambígua. O garoto estava confuso sobre a situação na qual o mesmo não se familiarizava com as particularidades do elemento Raiton, estavam interligados por cargas igualmente negativas, tratando-se de um afastamento nessa questão. Seria necessária uma inversão de polos para que o garoto então, se especializasse naquilo? — Me conte você... como é sua história? Sua afinidade com os raios partiu do que? – concluía com inúmeras indagações.



Descrições
Kekkei Genkai:


Kagune
Descrição: A Kagune (赫子, Escama Vermelha) é uma kekkei genkai corpórea presente tipicamente nos membros do clã Yoshimura que concede ao portador a capacidade de manipular seu tecido muscular através de infusão de seu chakra ao próprio organismo, manipulando assim o crescimento dos músculos, assim como a densidade e flexibilidade, expandindo este poder também ao controle manipulativo da própria carne.

Ainda que muito forte, essa habilidade não permite a projeção de qualquer zona muscular do corpo, pois, diferente de humanos normais, a própria estrutura celular dos indivíduos demonstra-se diferente, sendo difícil, por exemplo, tratar doenças nestes membros - outro possível fato de sua quase extinção. Os membros que possuem em seu DNA esta capacidade, os fazem, inicialmente, por lugares apropriados para isto, algo chamado de Kakuhō pelos membros da linhagem.

Estes pontos denominados Kakuhōs são zonas específicas no corpo de um indivíduo onde a concentração de células maleáveis (Células RC) é infinitamente maior, permitindo assim a manipulação e projeção para fora do corpo da própria carne e músculos, criando armas poderosas com o próprio corpo. Ao todo existem quatro pontos conhecidos: à altura dos ombros chamada de Ukaku, entre as omoplatas chamada de Koukaku, na região lombar chamada de Rinkaku e na área do cóccix chamada de Bikaku. Além destas zonas, o indivíduo pode facilmente manipular a regeneração da carne e músculos para recuperar-se da danos até medianos uma vez por turno com custo de vinte pontos de chakra, podendo inclusive ajustar o corpo para uma melhoria muscular, mas, ainda assim, dificilmente conseguem reconectar membros perdidos apenas com a habilidade básica.
Jutsus Usados:


Hari Jizo (Cabelo de Agulha)
Rank:B
Selos:Tigre, Cavalo, Javali, Carneiro, Rato e Cobra
Descrição:Esta é uma técnica onde o usuário encerra-se em um número incontável de agulhas afiadas, mas na verdade, os picos são o cabelo do usuário. O chakra concede os fios de cabelo dureza e forma de agulhas, dotados de uma capacidade de ferir e matar a par com a de armas metálicas. Além disso, se activado em resposta a um ataque do adversário, pode também ser utilizado como um contra-Ataque.
Jutsus Ativos:


Kakugan
Descrição: O Kakugan (赫眼, lit. Shining Eyes) é a manifestação dos instintos anormais de um descendente da linhagem Yoshimura. Há certo controle e falta dele igualmente na vida de um membro destes poderes, mas visualmente falando as formas são idênticas: as escleras tornam-se negras e as pupilas vermelhas, podendo estar presente em ambos os olhos (sangues-puros) ou apenas um dos olhos (híbridos ou transplantes).
Não há nenhuma habilidade específica para esses olhos, apenas a transformação visual que ocorre quando o indivíduo está em situações de perigo (impossível não ativar, exceto com a qualidade Calmaria), quando estão com fome de cadáveres humanos (isto é, não alimentarem-se de corpo humano por sete dias no mínimo) e acabam se deparando com um ou mesmo quando a Kagune é ativa (pode-se controlar se surge ou não).


Yoshimura Shiroshi
Sangue: 650/650
Chakra: 455/530

Template by Karma(NRPGA)

LEGENDAS
Narração Falas Pensamentos



If you have time to think of a beautiful end, then live beautifully until the end.
Ver perfil do usuário

Nach

avatar
Chūnin
Chūnin
Ele ouve a todas as questões de Shiroshi em um silêncio absoluto - Se continuar assim vai acabar careca.  - ironizou. - Poderiam ter sido mais rápidas, mas pare de brisar na maionese - Apesar de uma aparente ironia, seu tom era sério. - Afinidade e maestria são coisas diferentes. Ouça-se em sua própria questão, é incompreensível o que você quis dizer. - Disse. E então o mesmo respondia à ultima questão do garoto, sempre dentro de seu estilo de ser - Minha vida começou sendo achado em uma lata de lixo. Acharam, é claro, um absurdo. Como pode os pais de uma criança abandonarem ela no lixo? Mas... Eu continuei no lixo. Estava sozinho, dormia sozinho, comia sozinho. Eu não era o garoto achado no lixo, eu era o lixo em si - Olhou-o, seriamente - Raiton ganhou meu fascínio, pois quem não presta atenção em um raio? Barulhento, brilhante, destruidor e belo. Um raio sempre impõe sua presença. Ele pode cair no lixo ou no gabinete do Hokage. Será sempre um raio. 
O homem então afasta-se dez metro de Shiroshi e lhe diz - Eu iria pedir que você tentasse acertar os alvos com raios, mas alvos que estão parados são fáceis. - Desafiou - Você acabou de passar pela terceira etapa. Sabe criar raios a partir do chakra, o treino anterior auxilia na noção que deves possuir para atirar estes raios criados em algum alvo. Comece a treinar isto em mim. Busque-me acertar com cinco raios.

Ataques frontais: Ceshire buscará ir para trás (até sair do alcance), caso perceba que você reparou neste truque, então saltará, afim de escapar, e então lançará um raio (Rank D) contra vós por cima.
Ataques traseiros: Ele usará Shunshin no jutsu para ir para trás de vós e se afastará dez metros, vinte ou trinta metros, depende do seu alcance.
Ataques por cima: O mesmo irá para frente, até ficar embaixo de você (que estará no ar) e lançará um raio (Rank C) por este ângulo.
Ataques direita-diagonal: O mesmo buscará desviar para a direita ou esquerda e contra atacar com um raio (Rank D) que visará um de seus ombros
Ataques esquer-diagonalO mesmo buscará desviar para a direita ou esquerda e contra atacar com um raio (Rank D) que visará um de seus ombros, mas se ficar manjado, ele se abaixará e lançará um raio (Rank C) nas suas pernas.
Ataques por baixo: Ele irá lançar um raio Rank C em sua direção, de modo a buscar anular seu ataque.

Seu alcance MÁXIMO inicialmente será de 5 metros e Rank D. Sua narração irá se basear em tentar acertá-lo cinco vezes até conseguir. Seu alcance irá subir aos poucos de 5 em 5, até no máximo 30m, ao chegar nos 20m você consegue usar raios rank C. Não é necessário descontar chakra. O uso de manipulações vai até no máximo Rank C! A velocidade de Ceshire é 22m/s.
Não pode se defender desviando. Afinal, o motivo do treinamento é desenvolver seu raiton. Portanto, só poderá combater um ataque com outro ataque.
As formas de ataques descritas acima são para definir as reações de Ceshire de acordo com SUAS ações. Você irá interpretá-lo (Ceshire), mas deve seguir estas descritivas para deixar as coisas mais difíceis.

CASO queira, posso eu interpretá-lo. Ai você será:
Yamero - 1º post - 5 ataques
Nach - 5 defesas e ataques
Yamero - Defesas e 5 ataques
...
No caso de eu interpretar Ceshire, os seus ganhos de alcance e rank ficarão sob minha avaliativa. Já no caso de vós interpretar, deverá fazer algo convincente para cada alcance, e também, pro rank subido.
Vantagens e desvantagens
: Se interpretares Ceshire será one-post. Será, provavelmente, um post longo. Visto que o mesmo não ficará parado e você deve evoluir seus ataques até chegar aos 30m rank C. Mas será mais rápido.
No caso, se optares pela outra escolha. Exclui-se a regra ''5 em 5m de evolução do alcance'', e também a regra ''rank C apenas após 20m''. Pode ser mais demorada. Você não terá ''controle'' sobre as ações. Não seguirei o padrão proposto outrora.



Links importantes:

Ficha
Acompanhamento
Clã
Criação (V) > Laboratório (V)> Att-Jutsu
Treinos
ModFich > ModPerfil
Bank
Ver perfil do usuário

Shiroshi

avatar
Espadachim
Espadachim

 

 

     
雷遁 - Raiton
Never trust anyone too much
remember the devil
was once an angel.

O garoto ouvia atentamente todas palavras emitidas pelo rapaz, desde a sua ironia na criatividade de Shiroshi até sua confirmação perante a pré-análise de que realmente poderiam ter sido mais velozes e potentes. Fora logo repreendido pelo homem, que de maneira nada formal pediu que parasse de pensar tão profundamente, não tratava-se de algo pessoal a maestria. Contudo o garoto ainda observava a naturalidade em como o homem tratava e manipulava os raios, não baseava-se em apenas maestria, seus raios pareciam fazer parte da sua própria essência. Ceshire se prontificou perante as indagações do garoto e contou como fora sua história. Abandonado e por mais que vivo, fora tratado como lixo. Eles realmente possuíam algo em comum, suas origens tratavam-se de um mesmo tipo de sofrimento e angústia, o fator emocional no qual nunca ninguém poderá suprir e somente os dois poderiam superar. Desde então, só ouviam-se palavras firmes e sérias, explicando em seguindo sobre o atual fascínio perante ao elemento do trovão.

O garoto se pôs a pensar durante a fala de Ceshire, suas palavras fizeram com que Shiroshi olhasse com outros olhos para as características dos raios, talvez aquela afinidade não teria sido trazida à tona pelo acaso. Raios, potentes e solitários, propagam provando o seu lugar dentre os obsoletos, queiram eles ou não. Existia sim certa semelhança entre o garoto e sua afinidade elemental, talvez pela revolta constante em seu crescimento, o ódio também se acumulou perante à algo que apenas o acompanhava, de igual para igual.

— Eles vão prestar atenção em mim, independentemente das minhas características. Como o próprio raio... Obrigado Ceshire. – complementava à análise do homem e agradecia de uma maneira um tanto quanto gentil, abandonando por uma vez apenas, a casca que o mantém afastado das pessoas.

O homem que antes dialogava se afastou do jovem ninjas numa distância considerável. O mesmo comentava agora sobre uma próxima etapa na instrução ao qual forneceria o garoto. Seria ela a última? Tratava-se novamente de arremesso e durante alguma fração do tempo, o garoto estranhou tal repetitividade. Mas não seria tal, agora o alvo seria o próprio homem e que claro não permaneceria imóvel ou muito menos não contra-atacaria. Dessa vez seria à base de manipulação dos raios, a parte na qual o garoto nunca havia experimentado, talvez por medo ou a própria incapacidade.

— Saiba que eu não vou poupar esforços por ser um treino... Ceshire-sensei. – comentou dessa vez com um ar explicitamente irônico e emanando um sorriso que mesclava satisfação e ironia, perante ao novo desafio.

Já instruído, Shiroshi passou a canalizar chakra em sua mão dominante. Dessa vez não existia nada para conduzir o chakra e não seria apenas uma conversão básica e estabilização de vibração, seria criar a partir do nada, sem selos; partindo somente de seu controle elemental. Concentrou-se fixamente, os milésimos de segundos passavam como se fossem horas naqueles instantes, o chakra se tornava relâmpago e começava a tomar forma, um projétil branco azulado se formava na mão do garoto. Era instável, as vibrações não coincidiam a ponto de se tornar perfurante o bastante e por mais que se concentrasse o mesmo não se aperfeiçoaria naquele instante. Ele não poderia perder tempo e independente da situação de sua manipulação, o garoto amassou o chakra e canalizou-o, lançando o raio em direção ao tórax de Ceshire. O ataque se via simples e o disparo não era estável o suficiente para possuir uma característica perfurante, a vibração em seu molde se encontrava tão perturbada que emitia sons incomuns para uma manifestação elétrica. Ceshire apenas observou o projétil que avançava em sua direção, sua percepção aguçada e conhecimento aprofundado em raios permitia que o mesmo soubesse de antemão que aquilo não o alcançaria. Cinto metros foram percorridos pelo raio e o mesmo logo se dissipou. Risadas irônicas se manifestavam involuntariamente no rosto do homem.

— Droga... - dizia Shiroshi indignado com sua performance perante à demanda. - “Não ache que essa chacota ficará assim.” – concluía em seus pensamentos.

Ciente agora da capacidade de alcance de seus projéteis o garoto iniciou uma movimentação ao redor de Ceshire, em toda sua velocidade. E durante sua rotação, o garoto foi se aproximando gradativamente em relação a distância do manipulador de raios. Ao perceber que se encontrava em uma distância aceitável para seus raios, o garoto moldou novamente um projétil elétrico e lançou-o mirando o crânio do homem, focando novamente em estabilizar sua vibração para que se tornasse perfurante, rápida e longínqua. Dessa vez o projétil atingiu uma velocidade e uma distância consideravelmente superior do lançamento de outrora, sua estabilidade vibratória havia melhorado um pouco, contudo o fator perfurante ainda não havia sido aperfeiçoado. Ceshire ainda não apresentava dificuldades perante ao ataque de Shiroshi, contudo dessa vez o mesmo se movimentou, se afastando para trás em alta velocidade, saindo dessa forma do alcance do projétil do garoto.

— Além dos raios você possui uma velocidade incrível... Tem mais algo escondido em suas mangas? – ironizava o garoto ao notar que além de sua especialização assustadora em tal elemento, o homem ainda portava uma velocidade incrível que se igualava à do garoto.

A frustração começava a predominar os pensamentos e sentimentos do garoto, mas ele não iria desistir naquela situação, o seus ideais e objetivos em se tornar forte não seriam ofuscados por algo assim. Dessa forma, o garoto se concentrou novamente e começou a se locomover ao redor do homem de costuras na boca. Estando agora por volta de oito metros de distância do homem, Shiroshi saltou a cinco metros do chão e posicionou sua mão estendida na direção do homem e fechou-a com exceção do dedo indicador e do polegar. Manipulou chakra até a ponta do dedo indicador, e tendo Ceshire como alvo, disparou novamente uma rajada relâmpago, dessa vez a vibração se encontrava próxima ao estado aceitável o que fez com que o alcance da mesma se aprimorasse. O projétil se encaminhava do alto em direção ao mestre, o mesmo reconhecia a recente evolução em seu disparo e sabia que aquele projétil também o alcançaria, dessa forma, Ceshire em alta velocidade se moveu para debaixo de Shiroshi e evitando o projétil antes disparado, lançou como contra-ataque uma de suas rajadas de eletricidades perfeitas. Foi rápida e perfurante, a qual impossibilitou que o garoto se defendesse e mesmo ao tentar evita-lo, teve seu ombro atingido e perfurado, aterrissando em seguida ao solo.

— Acho que você também não vai pegar leve... – comentou o garoto enquanto pressionava o buraco em seu ombro, que aos poucos se regenerava.

Mesmo após ser atingido o garoto mantinha a inexpressão em seu rosto, afinal, dor alguma havia sentido através daquela ferida. Assim que a movimentação de seu ombro retornara através da regeneração de suas células, Shiroshi se privou de qualquer auto punição, visto que seu desempenho estava progredindo cada vez mais rápido. Iniciou uma investida em direção a Ceshire, movimentos coordenados em ziguezague eram feitos em meio a impulsos com os pés, se encontrando rapidamente à queima roupa do respeitoso manipulador. Na perspectiva do garoto ele não poderia errar naquela distância e moldou mais uma vez um disparo elétrico através de sua mão dominadora posicionada como uma arma, visando nesse instante o peitoral do seu tutor. Durante esses milésimos de segundos o homem o qual enfrentara deixava escapar uma simples e vazada risada, aquela estratégia simplória era extremamente previsível e o homem se afastando simultaneamente à investida de Shiroshi manteve-se em uma distância considerável, evitando assim um disparo a queima-roupa, saltando em seguida para evitar o projétil do garoto. Dessa vez no ar, Ceshire manteve-se calmo e disparou novamente contra o jovem ninja uma rajada elétrica, dessa vez menos potente e menos elaborada mirando o tórax do mesmo. Fora uma reação muito rápida provida de alguém que a pouco estava bem próximo de Shiroshi, contudo o mesmo era provido de uma velocidade e reflexo igualmente excêntricos, disparando contra o projétil que descia em sua direção um molde de eletricidade igualmente forte, agora ainda mais poderoso, vibrante e longínquo. Os raios colidiram-se e se desfizeram em um curto elétrico, contudo, antes mesmo desse choque se tornar concreto, o garoto havia se locomovido em alta velocidade em meio à um Shunshin no Jutsu para de baixo do homem, onde de lá moldou novamente um a estrutura elétrica na ponta de seus dedos, concentrou-a e lançou em direção ao homem que flutuava nos céus.

“Agora eu te peguei com seu próprio truque.” – pensou à si mesmo, imaginando que dessa vez o homem seria atingido pelo seu disparo, que já se encontrava altamente aprimorado, contudo, ainda não era perfeito.

Era um embate de reflexos e velocidades igualadas, esse tipo de contra-ataque não funcionaria, logo Ceshire utilizou-se da mesma artimanha antes usada pelo garoto, disparou um projétil contra o que a ele se dirigia, anulando-o como consequência. Shiroshi se afastou ao notar que novamente havia falhado em tentar atingi-lo. Era realmente uma situação de análise recíprocas, visto que já se encontrar num momento onde as rajadas se anulariam caso se chocassem, tornando aquilo uma batalha estratégica. Isso favorecia o garoto, não desmerecendo o prodígio elemental, contudo Shiroshi demandava de uma inteligência muito acima do comum e em breves momentos elaborou uma estratégia. Colocando-a em ação, o jovem garoto iniciava novamente uma rotação em velocidade máxima ao redor de Ceshire. Durante sua movimentação, o garoto concentrou novamente chakra em sua mão dominante na mesma forma de antes, não cessando portanto sua corrida, e disparou-o contra o homem. Toda sua convicção e dedicação eram colocadas naquele disparo. O garoto investiu simultaneamente a trajetória de seu projétil elétrico, para que o homem não pudesse depender de esquivas normais, pois caso o fizesse, estaria à queima roupa de Shiroshi. Ceshire saltou para evitar tanto a investida quanto o projétil que o direcionava, mirando logo em seguida para baixo, para evitar qualquer possível disparo. Porém, o sábio homem já havia caído no ponto desejado pelo esperto garoto, pois simultaneamente ao disparo que seguia reto em direção ao homem, Shiroshi havia disparado outro mirando o ponto de salto do mestre, tendo como base os seguintes fatores: capacidade de salto observado outrora e sequência de reações das investidas de outrora. Cheque mate, Ceshire recebeu em cheio o disparo elétrico em sua lombar, afinal, sua atenção estava completamente voltada para baixo, onde se encontrava o garoto.

O homem caiu ao chão e inexplicavelmente o disparo não havia o atravessado, teria o homem uma resistência à eletricidade? Isso não importava, pois havia atingido seu objetivo perante à demanda a ele proposta. Uma sensação reconfortante desceu sobre o garoto, sentou-se ao chão já desprovido de energia e chakra. Sua fadiga estava em alta e sua consciência havia retornado ao foco de tudo aquilo. Seu objetivo não era vencer uma batalha e nem ao menos acertá-lo e sim o domínio da eletricidade. Se deu conta do estado em que se encontrava no momento, sua manipulação estava perfeita e sua evolução era inexpressavelmente grandiosa. De certa forma o garoto estava feliz por tudo aquilo, ele estava feliz por chegar àquele ponto com o elemento Raiton, ele estava feliz por ter conhecido Ceshire e sua satisfação por não tê-lo machucado era grande. Se levantou após seus breves segundos de compensação e se moveu até o homem, estendendo-lhe a mão.

— Você não é um lixo, cara. Seu lugar já está cravado nessa sociedade a tempos, sua habilidade é prova disso. – o garoto pronunciava algumas palavras que não eram de praste. — Mas saiba que não será páreo pra mim daqui alguns anos, nem que eu tenha que costurar-me por inteiro. – completou em uma frase irônica para descontrair, desativando naquele instante a escuridão rubra de seu olho, revelando talvez um lado que nunca havia demonstrado a ninguém. Uma relação de respeito mútuo havia sido criada naquele dia.

Considerações:
-> Utilizei pelo menos cinco vezes das variações de ataques e consequências citadas.
-> Como não entendi objetivamente se era pra te acertar cinco vezes ou somente uma vez com cinco tentativas, eu considerei a segunda opção, tendo em vista que Ceshire é muito mais experiente do que Shiroshi, existindo uma certa diferença de habilidades para que um simples garoto pudesse atingi-lo cinco vezes. Levei em consideração também a seguinte citação: "Sua narração irá se basear em tentar acertá-lo cinco vezes até conseguir. "


Descrições
Kekkei Genkai:


Kagune
Descrição: A Kagune (赫子, Escama Vermelha) é uma kekkei genkai corpórea presente tipicamente nos membros do clã Yoshimura que concede ao portador a capacidade de manipular seu tecido muscular através de infusão de seu chakra ao próprio organismo, manipulando assim o crescimento dos músculos, assim como a densidade e flexibilidade, expandindo este poder também ao controle manipulativo da própria carne.

Ainda que muito forte, essa habilidade não permite a projeção de qualquer zona muscular do corpo, pois, diferente de humanos normais, a própria estrutura celular dos indivíduos demonstra-se diferente, sendo difícil, por exemplo, tratar doenças nestes membros - outro possível fato de sua quase extinção. Os membros que possuem em seu DNA esta capacidade, os fazem, inicialmente, por lugares apropriados para isto, algo chamado de Kakuhō pelos membros da linhagem.

Estes pontos denominados Kakuhōs são zonas específicas no corpo de um indivíduo onde a concentração de células maleáveis (Células RC) é infinitamente maior, permitindo assim a manipulação e projeção para fora do corpo da própria carne e músculos, criando armas poderosas com o próprio corpo. Ao todo existem quatro pontos conhecidos: à altura dos ombros chamada de Ukaku, entre as omoplatas chamada de Koukaku, na região lombar chamada de Rinkaku e na área do cóccix chamada de Bikaku. Além destas zonas, o indivíduo pode facilmente manipular a regeneração da carne e músculos para recuperar-se da danos até medianos uma vez por turno com custo de vinte pontos de chakra, podendo inclusive ajustar o corpo para uma melhoria muscular, mas, ainda assim, dificilmente conseguem reconectar membros perdidos apenas com a habilidade básica.
Jutsus Ativos:


Kakugan
Descrição: O Kakugan (赫眼, lit. Shining Eyes) é a manifestação dos instintos anormais de um descendente da linhagem Yoshimura. Há certo controle e falta dele igualmente na vida de um membro destes poderes, mas visualmente falando as formas são idênticas: as escleras tornam-se negras e as pupilas vermelhas, podendo estar presente em ambos os olhos (sangues-puros) ou apenas um dos olhos (híbridos ou transplantes).
Não há nenhuma habilidade específica para esses olhos, apenas a transformação visual que ocorre quando o indivíduo está em situações de perigo (impossível não ativar, exceto com a qualidade Calmaria), quando estão com fome de cadáveres humanos (isto é, não alimentarem-se de corpo humano por sete dias no mínimo) e acabam se deparando com um ou mesmo quando a Kagune é ativa (pode-se controlar se surge ou não).


Yoshimura Shiroshi
Sangue: 605/650
Chakra: 455/530

Template by Karma(NRPGA)

LEGENDAS
Narração Falas Pensamentos



If you have time to think of a beautiful end, then live beautifully until the end.
Ver perfil do usuário

Nach

avatar
Chūnin
Chūnin
O rapaz saiu-se bem, dentre palavras sérias e ironias, ambos se entendiam perfeitamente. - Achou que eu fosse ficar só na defensiva? - Diz Ceshire após um de seus primeiros contra-ataques. E é claro, um sorriso irônico era presente. O garoto parecia ter achado sua resposta sobre o que ligava a essência de sua alma ao elemento raio. Toda uma filosofia foi-lhe passada, e certamente, o mesmo se encontrou nas palavras do mestre em raios.
Ele conseguia acertar-me uma vez, dentre todos os ataques. ''É, boa, garoto'' - pensou. Vi então estendida-me uma mão. Shiroshi proferia algumas palavras que Ceshire deu certa atenção, incluso em sua ironia final. - Acha que eu vou ficar parado enquanto você tenta superar o eu de hoje? - Questionou - Cuidado pra não costurar a boca no caminho. Seria uma pena não ouvir mais suas palavras de sarcasmo- ironizou. - Isso é tudo, garoto. Você já alcançou o nível ideal de manipulação. ''E eu nem tive que apelar, hahaha'' - pensou. Ceshire, portanto, tira um cigarro de maconha da bolsa que havia deixado acima em um banco de madeira, mas não o acende. - Devo ir - Diz colocando a bandana no rosto. Segundos depois chega um grupo de três genins. Teria Ceshire previsto a chegada destes três e ido embora? Tanto faz. O homem busca um lugar sossegado ao seu fumo, e também, que ninguém inconveniente veja seu rosto.
Finalizado - Você pode ou não publicar algo a mais. Vai de seu querer. Em si, a qualidade foi aprendida. Portanto, treino finalizado.



Links importantes:

Ficha
Acompanhamento
Clã
Criação (V) > Laboratório (V)> Att-Jutsu
Treinos
ModFich > ModPerfil
Bank
Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum